fbpx
Revista Attalea Agronegócios
Agroindústrias NOTÍCIAS Política Agrícola

Regulamentação da Lei dos Produtos Artesanais de Origem Animal é debatida em reunião no IAC

Representando o secretário de Agricultura e Abastecimento de São Paulo, Itamar Borges, o secretário-executivo da pasta, Francisco Matturro, esteve em reunião para debater com o corpo técnico da SAA e produtores, a regulamentação da Lei nº 17.453, de 18 de novembro de 2021(Lei dos Produtos Artesanais de Origem Animal do Estado de São Paulo) que dispõe sobre a manipulação e o beneficiamento de produtos de origem animal sob a forma artesanal.

A reunião aconteceu nesta terça-feira, dia 30, no Instituto Agronômico (IAC), em Campinas, e foi acompanhada pelo coordenador técnico da SAA, Orlando Melo de Castro, e pelos assessores técnicos, Alberto Amorim e Ariel Mendes.

“Essa gestão do secretário Itamar Borges não faz nada sem antes ouvir o setor produtivo. Esta reunião de hoje é prova disso”, falou o secretário-executivo da SAA.

Os produtores estiveram representados pelo presidente da Associação Paulista do Queijo Artesanal (APQA), Christophe Faraud, pela representante dos Arranjos Produtivos Locais do Mel, Vanilda Santos, pelo vice-presidente da Apac (Associação Paulista de Charcutaria Artesanal) Marcelo Drummond, com a presença do assessor técnico da Faesp, Thiago Rocha, e do Sebrae-SP, Guilherme Santos.

Segundo Adriana Verdi, da assessoria da APTA, a reunião foi mais um passo importante da Secretaria para a formalização dos produtores e para a ampliação de mercado.

“A formalização dos produtores artesanais significa acesso às políticas públicas, maior geração de emprego e renda, além de desenvolvimento territorial. Com a regulamentação da Lei também vamos atender às boas práticas de produção e de saudabilidade dos alimentos artesanais de origem animal”, disse Verdi.

Também participaram da reunião: William Correa, coordenador substituto da Defesa Agropecuária (CDA); Bruno Ruffolo, Diretor do Centro de Inspeção de Produtos de Origem Animal da CDA; Daniel Gomes, diretor da Apta Regional; Aníbal Eugênio, diretor do Centro de genética e reprodução do Instituto de Zootecnia; Diego Barrozo, diretor técnico do EDR de Mogi Mirim; Beatriz Pazinato, diretora da Divisão de Extensão Rural da CATI-CDRS; Thiago Braga, assistente de planejamento da Defesa Agropecuária.

Related posts

Nova série de trator plataformado Massey Ferguson alia simplicidade e versatilidade com economia de combustível

Revista Attalea Agronegócios

Consórcio Magalu anuncia parceria para produtor rural realizar resgate de créditos de ICMS

Revista Attalea Agronegócios

12 anos de história certificando produtos Halal do Brasil para o mundo

Revista Attalea Agronegócios

Deixe um comentário