AgroindústriasHortiFrutiNOTÍCIAS

Sacramentos Vinifer: Vinícola de Sacramento (MG) conquista prêmios de Melhores Vinhos

Empresário Jorge Félix Donadeli almeja movimentar a região com a ampliação da produção de vinhos para comercialização e fomento da economia e turismo.

Minas Gerais é o primeiro lugar que surge na mente de qualquer brasileiro quando se fala em queijo e doce-de-leite. Mas, quando um município mineiro é reconhecido com a melhor produção de vinhos de qualidade, é uma novidade. É o que aconteceu neste ano de 2022 no município de Sacramento (MG), Região do Triângulo Mineiro.

Há 3 anos, o conhecido empresário do setor calçadista em Franca (SP), Jorge Félix Donadelli, plantou 1 hectare de uvas no Vinhedo São Miguel, no distrito de Desemboque, município de Sacramento (MG), Região do Triângulo Mineiro, com a proposta de “movimentar a economia da região”. E com muito estudo e profissionalismo, a Sacramento Vinifer conquistou neste ano dois prêmios importantes. Donadelli é um entusiasta em movimentar a economia da região e vem se dedicando na instalação definitiva da sua vinícola. “Contamos com parceria com a EBV VINHOS – Empresa Brasileira Vinificações, do enólogo uruguaiano, Alejandro Cardozo.

Graças a essa parceria, Donadelli enviou no ano passado as uvas Shiraz da primeira safra de 2021 para Caxias do Sul (RS), de onde foi produzido o primeiro vinho, o “Sabina”. Tanto o vinho tinto quanto o rosé foram premiados no ‘Guia Descorchados 2021’ (leia mais abaixo) disputando e sendo avaliados por mais de 500 vinhos nacionais e outros vindos do Chile, Argentina e Uruguai. O tinto conquistou o 1º lugar de destaque de melhor vinho tinto vinífera; enquanto o rosé conquistou o prêmio revelação. “Feliz e realizado com esse fato histórico em ter a nossa primeira safra mesmo que precoce com uma classificação tão importante. Motivo de orgulho e de saber que estamos no caminho certo de transformar Sacramento na terra do vinho”, destacou Donadelli.

Os empresários Jorgito Donadelli e o pai Jorge Donadelli e o enólogo Alejandro Cardozo (proprietário da EBV- Urban Winery em Caxias do Sul/RS)

Jorge é membro da APROVIN – Associação dos Produtores de Vinhos de Inverno e por isso sempre buscou mais conhecimento nas informações técnicas da produção e do transporte da sua cultura. Devido ao investimento alto para o processo de vinificação – conservação e acondicionamento para transformação de uvas nos diferentes tipos de vinhos, ele optou por essa terceirização em que consistiu no transporte para o Rio Grande do Sul através de câmeras frias, que segundo ele, chegam refrigeradas na temperatura ideal para a confecção do vinho “Sabina”. De lá, passa-se pelo processo final da escolha do rótulo e a vinificação em grande escala pronta para a comercialização, que será implantada em breve através de uma plataforma e-commerce.

Surpreso com o resultado da sua primeira safra já produzir um vinho que agradou o paladar de quem realmente é expert do assunto, Donadelli já garantiu que a safra deste início de 2022 também será enviada em julho para o sul para a produção de mais rótulos.

O empresário Jorge Donadelli no parreiral do Vinhedo São Miguel, distrito do Desemboque.

GUIA DESCORCHADOS 2022

A edição de março de 2022 do Guia Descorchados, do jornalista chileno Patricio Tapia, foram apreciados mais de 4 mil vinhos, vindos de 230 vinícolas argentinas, 223 chilenas, 35 vinícolas uruguaias e 35 brasileiras. O Brasil, aliás, chegou ao Guia com uma quebra de hegemonia que promete chamar a atenção: o vinho brasileiro mais bem pontuado não foi gaúcho!

“O vinho, que recebeu 93 pontos na avaliação do Guia Descorchados, é o SACRAMENTOS SABINA SYRAH 2021, da Vinícola Sacramentos Vinifer, cujos vinhedos estão na Serra da Canastra (MG). Ele ilustra muito bem os movimentos que a moderna vitivinicultura brasileira está executando na busca pela consolidação da qualidade. A empresa familiar é de São Paulo, mas escolheu cultivar seus vinhedos em Minas Gerais (onde o sistema de dupla poda e colheita de inverno está bem consolidado), as uvas são levadas para o Rio Grande do Sul para a vinificação pelas mãos de um enólogo uruguaio. Simples não é, certo? É o falso simples em mais de um sentido”, descreveu o enólogo Alejandro Cardozo em entrevista à jornalista Silvia Mascella Rosa, da Revista Adega.

Os vinhos SACRAMENTOS SABINA ROSÉ SYRAH 2021 (campeão do prêmio ‘Decanter World Wine Awards’ e do prêmio ‘Revelação’ no ‘Descorchados’) e o SABINA TINTO SYRAH 2021 (conquistou o 1º lugar de destaque de melhor vinho tinto vinífera no prêmio ‘Descorchados’).

“É o falso simples em mais de um sentido” diz o enólogo Alejandro Cardozo, proprietário da EBV- Urban Winery em Caxias do Sul (RS). A logística incluiu um caminhão refrigerado e dois motoristas, para que as uvas chegassem o mais rápido possível na vinícola. Em 2021 a temperatura externa também ajudou, pois a carga chegou na EBV sob a neve de julho na Serra Gaúcha.

Alejandro contou que o mérito do produto começou no direcionamento dado pelos proprietários da Vinifer, que vieram, ao longo dos anos em que aguardaram o vinhedo ser implantado e produzir, degustando centenas de garrafas de Syrah de todas as partes do mundo, até elegerem um estilo que lhes agradava e conversarem com o enólogo para saber se era possível fazer um vinho assim. “Para conseguir o que eles queriam, precisamos colher as uvas não pelo grau de açúcar, como usualmente se faz, mas sim pelo equilíbrio entre a acidez e o pH. E isso enfrentou a resistência de algumas pessoas, que preferiam deixar a uva no campo por mais tempo. Eu bati o pé e disse que para conseguir o estilo que queriam, a uva não poderia passar do ponto”, apontou Alejandro.

DECANTER WORLD WINE AWARDS

No início deste mês de julho de 2022, os produtores de vinhos de todo o Brasil comemoraram as posições alcançadas pelo país em um dos prêmios mais importantes do mundo: o Decanter World Wine Awards, a maior e mais influente competição da bebida. A Decanter, revista inglesa fundada em 1975, é uma espécie de “Bíblia” global do vinho.

Do total das medalhas conquistadas pelo Brasil, os destaques foram os vinhos produzidos pelas vinícolas Sacramento Vinifer, com 92 pontos (a maior pontuação), e Casa Geraldo, ambas localizadas no sudeste.

Wesley de Santi de Melo (prefeito de Sacramento/MG), e os empresários Jorge Donadelli e Jorgito Donadelli, da Sacramentos Vinifer.

“Estamos muito felizes com estes dois importantes reconhecimentos do nosso trabalho. Consideramos que o sistema de dupla poda realizado na vinícola é o que faz a total diferença, pois preserva as uvas e confere equilíbrio entre a acidez e o pH”, comemora Jorgito Donadelli.

“Pode-se dizer que ao vinho Sacramentos Sabina Syrah 2021 veio para quebrar paradigmas: desbancou os famosos rótulos chilenos e também as vinícolas gaúchas, geralmente as mais premiadas no Brasil. Um orgulho e tanto para nós sacramentanos”, destacou Wesley de Santi de Melo, prefeito de Sacramento (MG).

FONTE: Portal Agora Sacramento; Jornal da Franca; Prefeitura de Sacramento; Decanter

Related posts

Workshop discute estudo sobre suspensão da vacinação contra febre aftosa

Mario

Topseed Premium lança 11 novas sementes para horticultura profissional na Hortitec

Mario

Laborsan Agro vê capital de giro crescer mais de 20% após implantação remota de ERP da TOTVS

Mario

Deixe um Comentário

Este site utiliza cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você concorda com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Leia Mais