Powered by Rock Convert
Revista Attalea Agronegócios
Café Política Agrícola

NÃO AGRADOU: Governo reajusta preços mínimos de café Arábica e Conilon

Os preços mínimos do café, trigo e laranja estão sendo reajustados entre 3,93% a 20,83%. O café Arábica passou R$ 341,21/sc 60kg para R$ 362,53/sc 60kg, alta de 6,25%. Já o café Conilon saiu de R$ 202,19/60kg para R$ 210,13/60kg, variação de 3,93.

A laranja in natura, tipo Citrus sinensis, subiu de R$ 13,20/cx 40,8kg para R$ 15,95/cx 40,8kg, reajuste de 20,83%. O preço do trigo em grão em todos as regiões brasileiras teve variação de 12,16%. Por exemplo, o trigo tipo 1, melhorador, para os estados da região Sul, ficou em R$ 42,49/60kg. Antes era R$ 37,88.

O reajuste leva em consideração os custos variáveis de produção apurados pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab).

Os produtos fazem parte da Política de Garantia de Preços Mínimos (PGPM) para a safra 2019/2020. Os valores servem como balizadores nas linhas de financiamento para comercialização, o que é importante para os produtores, cooperativas e indústrias com o objetivo de melhorar o fluxo comercial da cadeia produtiva desses produtos e nas operações da PGPM (aquisições e equalizações de preços).

A portaria (31) com os novos valores será publicada nesta terça-feira (12) no Diário Oficial da União. O aumento dos preços foi aprovado em reunião realizada no último dia 27 de fevereiro pelo Conselho Monetário Nacional.

Powered by Rock Convert

Related posts

Agricultura de SP fará treinamento em sanidade do café para produtores de Franca (SP)

Avança Café Viçosa: Modernizar e acelerar o desenvolvimento de tecnologia na produção cafeeira

João Doria e Gustavo Junqueira anunciam importantes medidas para o agronegócio em SP

Deixe um comentário