fbpx
Revista Attalea Agronegócios
Image default
Café EMPRESAS

Cafeicultor ganha nova ferramenta para o combate aos nematoides

Inseticida Saddler 350 SC, desenvolvido pela Rotam do Brasil, agora pode ser utilizado no controle dos temidos vermes de solo

O produtor tem um novo aliado contra os nematoides das galhas no café (Meloidogyne exígua), o inseticida Saddler 350 SC da Rotam do Brasil, pertencente ao grupo químico metilcarbamato de oxima, já era utilizado para o controle de pragas através de tratamento de sementes nas culturas de arroz, feijão, milho e soja; e agora está liberado para utilização no café no controle dos vermes de solo.

Os nematoides são pequenos vermes que atacam as raízes do cafeeiro, mas nesse caso tamanho é documento, já que eles são importantes personagens no cenário da cafeicultura nacional. Normalmente os ataques ocorrem em reboleiras e são mais comuns em regiões de solos arenosos, bem como em terras já degradadas, com baixo teor de matéria orgânica. Eles atingem o sistema radicular do cafeeiro, onde causam necroses e rachaduras, afetando o desenvolvimento e a produção das plantas, que podem causar a redução drástica de até 50% na produção, ou a morte dependendo do nível de infestação no cafezal.

Estudo da Rotam

Estudo realizado pela Rotam em uma fazenda em Garça-SP comprova a efetividade do Saddler 350 SC contra os nematoides. O ensaio avaliou a quantificação de nematoides em raízes e também a produtividade. Segundo o coordenador de marketing da empresa, Lucas Ferreira, o controle sobre o gênero Meloidogyne exiguapor exemplo, foi de 96% na avaliação da primeira aplicação do produto e de 95% na segunda aplicação. “Além disso, a produção foi de 55,78 sacas por hectare, 29% maior frente a 43,23 sacas da testemunha”, explica o profissional.

Rotam do Brasil

A Rotam CropScience é uma empresa global de agroquímicos, fundada em 1950, com foco em proteção de cultivos, com atuação direta em mais de 75 países. Com operações de fabricação na China, a empresa fornece produtos de qualidade e suporte técnico profissional que vão desde proteção de cultivos, nutrição de plantas e sementes. A filial no Brasil fica em Campinas/SP e a estação experimental em Arthur Nogueira/SP.

Related posts

Dia Especial da Lavoura Cafeeira mostra assistência técnica a povos indígenas

Revista Attalea Agronegócios

Empreendedor de Rondônia realiza parceria com Coreia do Sul para exportação de café

Revista Attalea Agronegócios

Conferência Global de Sustentabilidade do Café 2018 será realizada em Belo Horizonte (MG)

Deixe um comentário