Powered by Rock Convert
Revista Attalea Agronegócios
Image default
Bovinos de Corte

Premix passa a integrar a Associação Rede ILPF, parceria público-privada com participação da Embrapa

O acordo amplia a participação da Premix em ações de pesquisa e transferência de tecnologia no sistema de Integração Lavoura Pecuária Floresta (ILPF).

Ciente de sua missão em contribuir para a evolução do agronegócio, a Premix fechou um importante acordo com a Associação Rede ILPF, com o objetivo de participar em ações de pesquisa, capacitação de assistência técnica e transferência de tecnologia no sistema de Integração Lavoura Pecuária Floresta (ILPF), que deverá trazer grandes benefícios aos produtores que buscam associar o aumento da produtividade de suas propriedades de maneira sustentável.

Fundada em 2012 como uma parceria público-privada, em 2018 tornou-se uma Associação sem fins lucrativos, a Rede ILPF apoia uma rede com 107 Unidades de Referência Tecnológica, distribuídas em todos os biomas brasileiros e que envolve a participação de 22 Unidades de Pesquisa da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa).

A entidade busca fomentar ações de pesquisa, transferência de tecnologia e divulgação relacionadas aos sistemas integrados de produção agropecuária. Também atua no sentido de acelerar a adoção da tecnologia de ILPF por produtores rurais como parte de um esforço, visando a intensificação sustentável da agricultura brasileira e os compromissos assumidos pelo Plano ABC e pelo Brasil no âmbito do Acordo de Paris, que dão amplo destaque para essa tecnologia, com a adoção de mais 5 milhões de hectares no país até 2030.

William Marchió, diretor-executivo da associação, explica que a Rede ILPF busca empresas dos mais diferentes setores do agronegócio que estejam comprometidas com a agropecuária sustentável para compor seu grupo de trabalho na difusão da tecnologia de integração lavoura-pecuária-floresta.

“Tivemos a grata surpresa de conhecer a Premix e saber que seus projetos de sustentabilidade estavam alinhados com os nossos objetivos. A partir disso, ficou mais fácil convidarmos a empresa a compor nosso time para nos auxiliar a difundir a intensificação sustentável da agricultura brasileira”, destaca.

Marchió ainda lembra que a Rede ILPF vem formando um grupo de “pessoas do bem que unem empresas do bem para fazer o bem”. Para ele, a Premix e sua equipe reúnem estas qualidades para seguirem juntos levando a intensificação sustentável à agropecuária nacional.

O CEO da Premix, Marco Guidolin, explica que a parceria vem reafirmar a posição sobre sustentabilidade que a empresa já adota através do Manifesto Pecuária de Valor Sustentável, no sentido de promover a melhoria da produtividade e da rentabilidade sem afetar o meio-ambiente e sem desmatar, buscando a regeneração e preservando a natureza de uma forma mais ampla.

“O foco da Premix e da Rede ILPF são muito parecidos, por isso optamos por avançar com essa parceria, pois ela irá reforçar o nosso posicionamento, além de nos trazer especialização neste sistema de produção para auxiliar nossos clientes a produzir cada vez mais e melhor, preservando os recursos naturais”, conclui.

 

FONTE: Thell de Castro – NEWSPRIME
thell@newsprime.com.br

Related posts

Mudança na estação do ano é sinônimo de mudança no manejo das pastagens?

Revista Attalea Agronegócios

Parceria entre Brasil e Índia garantirá importação de sêmen de búfalos para a EMBRAPA

Revista Attalea Agronegócios

Angus debate produção de carne de qualidade na Expointer

Revista Attalea Agronegócios

Deixe um comentário