Powered by Rock Convert
Revista Attalea Agronegócios
EVENTOS - DESTAQUES

Otimismo cresce com a aproximação da FEMEC 2019

Feira busca estratégias para fomento de negócios; instituições financeiras garantem agilidade na aprovação de financiamentos.

A diretoria do Sindicato Rural de Uberlândia vê com otimismo o cenário para realização da FEMEC 2019 – Feira de Máquinas, Equipamentos, Implementos e Insumos Agrícolas – que acontecerá de 26 a 29 de março, no Parque Camaru, em Uberlândia (MG), com entrada franca.

As previsões são positivas para quem quer investir em máquinas agrícolas com crescimento de 2% no Produto Interno Bruto (PIB) do agronegócio e uma alta de 4,3% no Valor Bruto da Produção (VBP), que mede o faturamento da atividade agropecuária dentro da porteira, segundo dados da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA).

A ABIMAQ – Associação Brasileira da Indústria de Máquinas e Equipamentos, por sua vez, prevê investimentos de R$ 2,7 bilhões em 2019 por fabricantes de máquinas e equipamentos, montante 30,1% superior ao investido em 2018. O setor de máquinas agrícolas e rodoviárias, em especial, terminou o ano de 2018 com 47,8 mil unidades vendidas no País, segundo relatório da ANFAVEA. O resultado foi 12,7% superior ao movimento de 2017.

Neste cenário promissor, instituições financeiras que participarão da FEMEC também estão confiantes e já anunciaram condições especiais para contratação de crédito agrícola durante a feira. Entre os bancos que terão operações no parque de exposições estão Banco do Brasil, Bradesco, Caixa e SICOOB. O volume de crédito disponível para contratações durante o evento deve ultrapassar R$1,5 bilhões.

De acordo com o presidente do Sindicato Rural de Uberlândia, Gustavo Galassi, esse otimismo é fruto de uma junção de vários fatores. “Tudo nos leva a crer que 2019 será um ano diferente. Percebemos isso tanto na política, como no mercado. Os números mostram que a inflação já começa a ser controlada. As empresas acreditam na FEMEC em função de resultados passados e já se programam para 2019 sabendo que vai ser um ano muito positivo”, afirma.

Para outras informações sobre a FEMEC acesse www.femec.com.br

PARCERIAS ESTRATÉGICAS

Para fomentar negócios na feira, a diretoria do Sindicato Rural de Uberlândia buscou parcerias estratégicas com instituições financeiras para que o produtor rural consiga ter a aprovação de compras financiadas de forma mais ágil. Essa rapidez, no entanto, depende também da organização dos produtores rurais. A recomendação de agentes financeiros é para que o interessado procure sua agência de relacionamento e atualize o cadastro antecipadamente.

O Banco do Brasil, por meio de sua diretoria de agronegócios em Brasília, mobilizou gerentes de agências de 134 cidades mineiras para desenvolver estratégias que já foram colocadas em prática visando o fechamento de negócios na feira.

O diretor executivo de agronegócios, Felipe Zanella, afirmou que a FEMEC agora faz parte do calendário nacional de eventos de agronegócio do Banco do Brasil. “Para 2019 faremos análise de limites de crédito previamente e teremos esteiras diferenciadas para acolhimento de operações em conjunto com as revendas para fazer um fluxo com agilidade na contratação e liberação dessas operações”, disse.

O Bradesco também vem para a FEMEC 2019 com o seu portfólio completo de produtos e serviços direcionados à cadeia produtiva do agronegócio. Segundo o Gerente Regional Uberlândia, Oswaldo Fumagali Filho, o banco contará com estrutura de estande e uma equipe de mais de 30 profissionais especializados no Agronegócio, dando um atendimento personalizado e consultoria aos produtores, visitantes e expositores.

“Atuaremos com as mais diversas linhas de repasse do BNDES, linhas de crédito rural para custeio e investimento, CPRs e demais linhas de financiamento”, revela. “Disponibilizaremos também, uma estrutura de análise de crédito no próprio estande, proporcionando assim uma maior celeridade nos processos de contratação”, conclui.

A CAIXA também já confirmou participação na Femec 2019 com equipe especializada para atender o produtor rural. “Na feira serão apresentadas excelentes condições para o custeio agrícola antecipado, comercialização da safra através da estocagem e custeio pecuário para leite e corte”, revela o superintendente Regional da Caixa, Luiz Carlos Alves. “Além disso, ofereceremos diferenciais do Consórcio Caixa para compra de máquinas e implementos agrícolas”, conclui.

A FEMEC contará ainda com a participação de representantes da rede SICOOB. Segundo Guilherme Silva, gerente de relacionamento rural do SICOOB Aracoop o banco estará preparado para realizar excelentes negócios na feira.

ATIVIDADES DO AGRONEGÓCIO NA FEMEC

A Femec reúne no mesmo ambiente, além de maquinário agrícola de ponta para comercialização, outros segmentos do agronegócio como genética de sementes, bovinos e equinos, indústria automobilística e amplo programa de palestras gratuitas.

Entre as principais atrações estarão o Encontro de Mulheres Mineiras do Agronegócio, que discutirá o papel da mulher no setor; os Campos Demonstrativos de Sementes e Insumos, onde empresas exibirão em lavouras cultivadas no próprio parque o que há de mais avançado em tecnologia industrial de sementes, além de insumos como fertilizantes e defensivos.

No setor de pecuária, acontecerão a Feira de Touros e Matrizes PO do programa Pró Genética e Pró Fêmeas, dois leilões de elite e exposições especializadas de gado Nelore e de equinos Mangalarga Marchador. Na Arena Automotiva, montadoras apresentarão lançamentos de veículos utilitários e de passeio das principais marcas.

O programa de palestras da Femec pode ser acessado pelo link http://www.femec.com.br/programacao-femec-2019/

Powered by Rock Convert

Related posts

SUPERAGRO: Aminoagro destaca soluções para aumentar o potencial genético de plantas e de sementes

ESALQSHOW reforça como as novas tecnologias contribuem para o agronegócio produzir mais com sustentabilidade

Revista Attalea Agronegócios

41ª EXPOINTER – Linha BH HiTech da Valtra chega com transmissão automática e cinco modelos

Revista Attalea Agronegócios

Deixe um comentário