fbpx
Revista Attalea Agronegócios
Bovinos de Corte Educação no Agronegócio

Especialistas em Confinamento de Bovinos de Corte ganham espaço no mercado

A utilização do confinamento de bovinos é uma realidade crescente na pecuária brasileira, com mais de 5 milhões de cabeças oriundas do sistema em 2019 e cerca de 60 milhões de cabeças por ano a nível mundial.

A melhor maneira de saber se o negócio está sendo lucrativo é fazer um planejamento inicial detalhado da produção, fazer uma gestão eficiente e analisar os índices zootécnicos dos animais dentro do sistema. Para isso, é necessário o especialista em Confinamento de Bovinos de Corte atuando nas práticas de manejo, especialmente nas estratégias nutricionais. 

A Fazu (Faculdades Associadas de Uberaba) oferta o Curso de Pós-graduação em Confinamento de Bovinos de Corte. Com duração de 1 ano, aulas ao vivo e apenas um encontro presencial ao final do curso, os conteúdos são alinhados às técnicas, tecnologias e tendências da atualidade. O investimento para realizar o curso é de 12 parcelas de R$ 299,00.

O Curso de Pós em Confinamento de Bovinos de Corte é coordenado pela Drª. Fernanda Carvalho Basso, PhD em Forragicultura pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU), doutora em Produção Animal, mestre em Zootecnia e zootecnista pela Universidade Estadual Paulista (Unesp). Também é consultora em bovinos de leite e corte na empresa NutriZoo.

As aulas contemplam as seguintes temáticas aplicadas ao confinamento de bovinos: análise de mercado, planejamento alimentar, uso de volumosos, formulação de ração, instalações e infraestrutura, doenças e tratamentos, índices produtivos, avaliação e tipificação de carcaças, gestão de custos e análise financeira, planejamento e interpretação de dados com softwares.

“Estou em minha segunda Pós-graduação junto à FAZU e me sinto privilegiada. Os cursos são compostos por profissionais renomados, que nos trazem de forma simplificada a realidade do mercado e do campo, nos mostrando os problemas que podemos enfrentar e ensinando como solucioná-los, além de termos todo o respaldo da coordenação. A estrutura da Pós e a condução das aulas são extremamente interessantes”, destaca Fabiana Mendes Ribeiro Fedrigo, médica veterinária e aluna da Pós em Confinamento de Bovinos de Corte. Fabiana também é egressa da Pós em Nutrição e Alimentação de Ruminantes.

O Curso de Pós em Confinamento de Bovinos de Corte é coordenado pela Drª. Fernanda Carvalho Basso

Related posts

Ourofino Saúde Animal orienta pecuaristas para ações complementares à vacinação contra a Febre Aftosa

BRS Mandobi: primeira cultivar brasileira de Amendoim-Forrageiro propagada por sementes

Revista Attalea Agronegócios

Associação dos Criadores de Nelore do Brasil discutirá promoção e valorização da carne Nelore

1 Comentário

Esmeralda março 15, 2021 at 9:46 pm

Interessante artigo
O título também é bem antagônico: confinamento vs ganham espaço. risos.
gostei bastante de ler e saber mais sobre este tema.
Parabéns!

Resposta

Deixe um comentário