fbpx
Revista Attalea Agronegócios
Image default
Bovinos de Corte

Certificação Halal amplia sua atuação de mercado atendendo diversos setores e diversas comunidades e não somente a muçulmana

O mundo está se abrindo para os produtos com certificação Halal e atende toda a população global e não somente a muçulmana. “Halal está se tornando um símbolo mundial. As pessoas estão se identificando com este conceito, porque buscam por um estilo melhor de vida e por produtos de qualidade”, esclarece o diretor-executivo da Cdial Halal, Ali Saifi.

Como conhecimento, o conceito halal, que significa “lícito” ou “permitido”, é um sistema baseado em princípios e valores que beneficia a humanidade, respeitando padrões éticos, morais e religiosos (veja quadro abaixo). A certificação Halal atesta a qualidade da produção, da confiabilidade, da rastreabilidade e do cumprimento dos requisitos de segurança em todo o seu processo. “Quando emitimos o certificado, comprovamos que aquela determinada empresa é capaz de realizar os procedimentos de acordo com os princípios e valores religiosos e com as normas internacionais de segurança relacionadas ao seu setor de atuação”, comenta Saifi.

A certificação de conformidade de um processo Halal abrange desde a matéria-prima utilizada na fabricação, todo o processo de produção, higienização, rastreabilidade, armazenagem e transporte e pode ser aplicada a qualquer categoria de empresa, como por exemplo: pecuária, agricultura, alimentos industrializados, serviços de alimentação (hotéis e restaurantes), transporte, têxtil, indústria química e bioquímica, embalagens, cosméticos, produtos de origem animal perecível ou de longa vida, transporte e armazenagem, dentre outros.

Sharia é um conjunto de leis islâmicas [baseadas no Alcorão] que ditam regram de comportamento dos muçulmanos.

De acordo com o diretor-executivo muitas empresas estão procurando a Cdial Halal para obter informações sobre a certificação halal. O Brasil é referência mundial em produtos Halal e atualmente exporta para 57 países islâmicos, sendo 22 países árabes. Estima-se que a economia Halal global atinja a marca de US$ 6,4 trilhões, este ano, acima dos US$ 3,2 trilhões contabilizados em 2012, conforme dados levantados pelo ESMA – Autoridade de Padrões e Metrologia dos Emirados Árabes.

Todo o processo de certificação de produtos segue os critérios islâmicos internacionais – autoridades que controlam o certificado halal dos países – como o Comitê da ESMA – Emirates Authority for Standardization and Metrology; MUI (Majelis Ulama Indonésia); MUIS (Majelis Ugama Islam Singapura); JAKIM (Jabatan Kemajuan Islam Malaysia); Liga Mundial Islâmica da Árabia Saudita.

Cdial Halal

É uma referência global em Certificação Halal e mantém parcerias estratégicas com empresas de alimentos de classe mundial. Cresceu focada no seu negócio com atividades relacionadas ao abate de frangos, perus, patos e bovinos, ampliando seu escopo para produtos industrializados.

Saiba mais www.cdialhalal.com.br

 

FONTE: Lucia Nunes – LN COMUNICAÇÃO

assessoriadeimprensa@lncomunicacao.com.br

Related posts

ABA: Venda de sêmen Angus cresce 28% no Brasil

Rebanho registrado de Senepol cresce no Brasil

Engorda a Curral: ciclo completo, de terminação e complementação do sistema pastoril

Deixe um comentário