Powered by Rock Convert
Revista Attalea Agronegócios
Image default
EMPRESAS NOTÍCIAS Outros Grãos

UPL e Advanta apresentam o Programa Pulses e feijões no 2º Seminário sobre Hortaliças Leguminosas

Sagar Kaushik da UPL Índia fala sobre o Mercado de pulses na Índia

A UPL e Advanta participam como patrocinadores Master em Brasília – DF, do 2º Seminário sobre Hortaliças Leguminosas que é da Embrapa em parceria com o CNPq e a Fundação de Apoio à Pesquisa do Distrito Federal (FAP-DF), que deve ser realizado entre os dias 30 e 31 de agosto.

Durante o evento, que é destinado para produtores, técnicos, estudantes e demais interessados em conhecer as pesquisas e a importância da produção das leguminosas, será realizada a palestra sobre o Mercado de Pulses na Índia e as oportunidades para o Brasil nesse novo mercado, por Sagar Kaushik – President – Coporate Affairs and Industry Relations.

Dentro do tema, a UPL e Advanta também aproveitam para apresentar o Programa Pulses, que juntas à Embrapa e com auxílio do MAPA – Ministério da Agricultura, firmaram um acordo, há mais de um ano, com a Índia para buscarem uma solução para a nutrição da população do país asiático que é fundamentado em alimentação vegetariana. Segundo a FAO, Food and Agriculture Organization of the United Nations, o consumo de proteína na Índia está abaixo do recomendado por dia. A expectativa é que já neste ano, de 2018, o país necessite importar 21 milhões de toneladas desses grãos para alimentar.

“O Projeto ainda está no início, existem muitas avaliações e testes que precisam ser realizados antes de concluirmos e possibilitarmos que os produtores que quiserem, possam começar a produzir”, explica Gustavo Hidalgo, Gerente de Desenvolvimento Tecnológico da Advanta Sementes. O Programa Pulses poderá em um futuro próximo representar uma das culturas a ser realizada como complemento entre os cultivos que ocorrem do verão ao inverno para soja, milho, algodão, arroz e trigo. “E por isso, será uma excelente oportunidade de alternativa de mercado para produtores”, finaliza Wagner Seara, Gerente Marketing de Produtos para Tratamento de Sementes da UPL.

Para o Seminário o primeiro dia conta com palestras de especialistas nacionais e internacionais sobre as hortaliças leguminosas e no dia 31 de agosto será realizado um Dia de Campo, das 08h às 17h, com visita aos campos de produção de lentilha, ervilha e grão-de-bico nas localidades PAD (DF), Brasília (DF) e Cristalina (GO).

SOBRE A UPL

 A UPL, uma empresa indiana que traz soluções inovadoras e sustentáveis em proteção de cultivos para o agricultor. Fundada em 1969, a companhia atua hoje em mais de 86 países com 28 fábricas que desenvolvem e comercializam produtos da mais alta qualidade, segurança e tecnologiaNo Brasil, onde atua desde 2006, conta com fábrica e estação experimental em Ituverava-SP e, foi eleita por dois anos consecutivos como uma das melhores empresas para se trabalhar pela Great Place to Work®. Por seu trabalho com produtores e pesquisadores para encontrar soluções mais eficientes para campo e através de novas formulações e produtos, equipe especializada e expansão de portfólio, a empresa conta com forte presença nos mercados de soja, milho, cana-de-açúcar, arroz, café, feijão, citros, algodão, pastagem e hortifrúti. www.uplbrasil.com.br

SOBRE ADVANTA

 Advanta Sementes é uma empresa multinacional com sede em Dubai, nos Emirados Árabes Unidos. Com presença global, é líder mundial em Sorgo. Além disso, ocupa posição de liderança em milho tropical, girassol e canola. Com foco nas demandas regionais, a Advanta investe constantemente no desenvolvimento de tecnologias e soluções modernas que contribuam para que o agricultor possa aumentar a sua produtividade e rentabilidade e beneficiar toda a população mundial. advantasementes.com.br

Related posts

11ª INTERCONF reúne mais de 1.200 pessoas em Goiânia (GO)

Revista Attalea Agronegócios

Dia de Campo sobre café Arábica encerra curso “Produtor Informado”, em Marechal Floriano (ES)

Revista Attalea Agronegócios

COOPAMA promove 14ª FENEC em Machado (MG)

Revista Attalea Agronegócios

Deixe um comentário