Image default
Educação no AgronegócioNOTÍCIAS

UFV é segunda de Minas e sétima do país pelo Índice Geral de Cursos

A UFV – Universidade Federal de Viçosa conquistou novamente o conceito máximo (5) no Índice Geral de Cursos (IGC), divulgado nesta terça-feira (18), pelo Ministério da Educação (MEC). Os dados são referentes a 2017 e contou com a avaliação de 2.066 instituições de ensino superior. Apenas 1,6% alcançou o conceito máximo, dentre elas a UFV, que se destacou no ranking com o segundo lugar em Minas Gerais e o sétimo no âmbito nacional.

A primeira colocada pelo IGC foi a UNICAMP – Universidade Estadual de Campinas, já a Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) ficou com a melhor classificação no ranking mineiro. Também foi divulgado o Conceito Preliminar de Curso (CPC), que avaliou 10.210 cursos no país em áreas como bacharelado e licenciaturas, Ciências Exatas, Engenharias e Tecnologias. Nessa avaliação, obtiveram o conceito máximo (5) o curso de Engenharia Florestal, do campus Viçosa, e as licenciaturas em Física e Matemática, do campus Florestal.

Para a reitora Nilda de Fátima Ferreira Soares, estar entre as melhores instituições do país é a prova do trabalho qualificado que a UFV sempre preza por desenvolver nas áreas de ensino, pesquisa e extensão. Ela também mencionou que o fato de a Universidade ter subido uma posição no ranking do IGC nacional, em comparação aos divulgados nos dois anos anteriores, é uma conquista que se deve ao empenho de todos os professores, servidores técnico-administrativos e estudantes.

Índice Geral de Cursos

O IGC é um indicador de qualidade das instituições de educação superior. Ele é calculado anualmente, considerando a média dos últimos Conceitos Preliminares de Curso (CPCs), a média dos conceitos dos programas de pós-graduação stricto sensu atribuídos pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) e a distribuição dos estudantes entre os diferentes níveis de ensino.

Mais informações podem ser encontradas no portal do Inep.

Related posts

CONBRAF: Tomomassa Matuo é homenageado por auxiliar no desenvolvimento da fitossanidade no Brasil

Mario

Farm4all® da Liberali passa a contar com soluções em francês

Mario

Cooperação entre setor privado e governo na preservação ambiental

Mario

Deixe um Comentário

Este site utiliza cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você concorda com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Leia Mais