fbpx
Revista Attalea Agronegócios
Image default
Café NOTÍCIAS

Projeto Cafeicultura de Rondônia realiza Seminário Regional

O estado é o quinto maior produtor de café do Brasil, e seus 22 mil cafeicultores colheram mais 1,8 milhão de sacas de 60 quilos, em 2017.

Com características de solo especiais, topografia adequada e clima favorável, Rondônia tem lavouras que guardam propriedades genéticas benéficas ao cultivo de café. O café Robusta produzido em Rondônia, da mesma forma que o Arábica, ganha mercado quando são adotadas boas práticas, que vão desde o manejo do plantio até o pós-colheita. O estado é o quinto maior produtor de café do Brasil, e seus 22 mil cafeicultores colheram mais 1,8 milhão de sacas de 60 quilos, em 2017.

As pesquisas têm confirmado que o café clonal, além de ter alta produtividade em relação ao seminal, aquele plantado por sementes, tem maior tolerância a pragas e doenças. É um café adequado à mecanização com espaçamentos mais bem distribuídos, além de produzir bebida de boa qualidade.

O Sebrae em Rondônia com o projeto Cafeicultura de Rondônia tem se dedicado aos avanços na produção e comercialização de café, e neste dia 05 de julho de 2018, quinta-feira, realiza o Seminário Regional de Cafeicultura na cidade de São Miguel do Guaporé (RO).

As atividades em parceria com o Governo do Estado pelo Convênio nº 120/PGE/SEDI/SEBRAE 2016 serão realizadas na praça municipal da cidade, e nessa programação serão oferecidas palestras com os seguintes temas: Colheita e pós-colheita do cafeeiro, Irrigação do cafeeiro e Manejo de pós-colheita com o pesquisador Paulo Sérgio Volpi, do INCAPER do Espírito Santo.

O comitê gestor do projeto é integrado pela Câmara Setorial do Café, e conta com Agência de Defesa Sanitária Agrosilvopastoril do Estado de Rondônia (Idaron), Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia (Ifro), Universidade Federal de Rondônia (Unir), Empresa Estadual de Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado de Rondônia (Emater-RO), Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e Regularização Fundiária (Seagri), Superintendência Estadual de Desenvolvimento Econômico e Infraestrutura (Sedi), Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) e Conselho dos Secretários Municipais de Agricultura.

Das 8 às 9h ocorrerão as inscrições e o café da manhã. Os primeiros inscritos ganharão o Kit Educacional, com almoço oferecido aos cafeicultores. O evento tem apoio da Emater Vale do Guaporé, Acismig (Associação Comercial e Industrial de São Miguel do Guaporé), Secretaria Municipal de Agricultura de São Miguel do Guaporé, Prefeitura Municipal, Incaper do Espírito Santo e Universidade Federal de Rondônia. Para mais informações, envie mensagem pelo WhatsApp para (69) 98130-5656, ou fale com a Central de Atendimento do Sebrae no 0800 570 0800.

Related posts

Empreendedor de Rondônia realiza parceria com Coreia do Sul para exportação de café

Revista Attalea Agronegócios

Pesquisadores criam sistema que substitui lenha na secagem de grãos

Revista Attalea Agronegócios

[Luiz Chacon] – Café já é beneficiado pela nova geração de fertilizantes

Deixe um comentário