Image default
Cafés Especiais

Produção de cafés especiais no Paraná se desenvolve com ajuda do Sistema FAEP/SENAR-PR

“Sítio Teixeira – Brazil”, diz o alto da placa da Dancing Bean House, na cidade de Brisbane, na Austrália. O café produzido no Norte Pioneiro do Paraná é o mais caro da cafeteria do outro lado do mundo, batendo etíopes, costarriquenhos e colombianos. Os grãos – pontuação por volta de 85 pontos – viajaram mais de 13 mil quilômetros de navio para serem degustados. Prova de que a qualidade do produto paranaense é reconhecida e valorizada dentro e fora do país por quem entende do assunto.

Não é de hoje que a nossa cafeicultura optou por trabalhar a qualidade dos grãos, e não mais apenas a quantidade. Desde 2012, o café produzido nos 46 municípios do Norte Pioneiro conta com a Indicação Geográfica, fornecida pelo INPI – Instituto Nacional de Propriedade Industrial, que denomina as características sensoriais específicas do fruto daquela região. Segundo o consultor do SEBRAE – Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas e gestor do projeto de cafés especiais do Norte Pioneiro do Paraná, Odemir Capello, esse processo começou em 2006. “O objetivo era trabalhar com o desenvolvimento regional e o café é um segmento que tem o maior PIB em vários municípios”, explica.

Segundo ele, ao longo destes 12 anos de projeto, muitas vitórias podem ser elencadas. “Quando começou o projeto, os cafés do Paraná eram muito desvalorizados na bolsa. Eles saiam daqui, iam para Minas Gerais e, só por sair de lá, tinham um valor 35% maior. Hoje essa diferença de valor não existe mais”, pontua.

Capello destaca a importância das parcerias para fortalecer este projeto “O SENAR-PR foi um importante parceiro, chegou a realizar mais de 200 cursos beneficiando esse segmento na região”, afirma, referindo-se aos cursos na área de gestão da propriedade rural e produção de café. Recentemente, o SENAR-PR passou a oferecer dois novos cursos voltados ao setor de cafés especiais.

Related posts

Paixão pelo Café que passa de Geração em Geração

Mario

Prêmio Café Qualidade Paraná vai julgar também Grãos Fermentados no concurso

Mario

Cup of Excellence 2018: Cafés produzidos na Mantiqueira de Minas lideram primeira lista

Mario

Deixe um Comentário

Este site utiliza cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você concorda com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Leia Mais