Image default
CaféNOTÍCIASPolítica Agrícola

Mato Grosso produz café de qualidade e deve dobrar produção

Clima e solo favoráveis, produtores e oferta de mão de obra contribuem para a atividade que precisa de investimentos em logística

 

A região Noroeste do Mato Grosso tem se destacado na produção de café. O governo mato-grossense reconhece a cidade de Colniza (MT) como a capital do café no estado. Ela é responsável por mais de 51% da produção do Mato Grosso e é, por isso, considerada referência para os demais municípios.

São mais de 10 mil hectares de café de qualidade, plantado numa região de solo e clima favoráveis, que devem permitir, no prazo de cinco anos, quase dobrar a produção de 130 mil sacas de café por ha, passando a produzir de 220 sacas a 230 sacas por ha. Para isso, produtores locais estiveram com o ministro da Agricultura, Blairo Maggi, pleiteando recursos para a logística no município.

O objetivo é obter investimento em patrulha mecanizada, a fim de abrir estradas no acesso a fazendas e facilitar o escoamento da produção de grãos voltados especialmente para a elaboração de expresso e cappuccino.

Produtores e mão de obra não são problemas para a atividade que foi estimulada com investimento de R$ 6 milhões, inicialmente, do programa Pró-café do MAPA. O programa permitiu a aplicação no fortalecimento das lavouras, em mais viveiros, mudas e equipamentos para a produção de grão na região.

Related posts

Sicredi comemora 120 anos de trajetória do cooperativismo de crédito no Brasil

Mario

SISP Artesanal: Resolução simplifica o registro para produtores enquadrarem no Serviço de Inspeção de São Paulo

carlos

[Ensei Neto] – Quanto vale um café?

Mario

Deixe um Comentário

Este site utiliza cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você concorda com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Leia Mais