Image default
ARTIGOS

[José Luiz Tejon Megido] – Método Lean é o novo conceito para administrar a cadeia do leite

JOSÉ LUIZ TEJON MEGIDO
Mestre em Educação Arte e História da Cultura pelo Mackenzie, doutor em Educação pela UDE/Uruguai e membro do Conselho Científico Agro Sustentável (CCAS)

www.agriculturasustentavel.org.br

Não basta tirar leite, é preciso entender sobre esse negócio. Estive neste mês em um lugar do Brasil que tem a atividade leiteira mais desenvolvida do país. Fica no Paraná, em Carambeí.

Participei de uma grande reunião com a Clínica do Leite, uma instituição sem fins lucrativos que atua para a melhoria da pecuária de leite, por meio de serviços analíticos, da geração de conhecimento e da formação de pessoas. Esteve presente a Frísia e muitos convidados de diversas organizações.

Em Carambeí, está sendo aplicada uma filosofia de organização baseada no Método Lean, que foi desenvolvido pela Toyota, no Japão. É uma filosofia de gestão focada na redução dos sete tipos de desperdícios, como a superprodução, tempo de espera, transporte, excesso de processamento, inventário, movimento e defeitos. Segundo a metodologia, eliminando esses desperdícios, acaba-se diminuindo o tempo e o custo de produção

O professor Paulo Fernando Machado, um dos maiores especialistas na gestão do leite,  desenvolveu o método Master Dairy Administration (MDA), que significa uma Maestria na Administração do Leite.

A educação para o sucesso nessa nobre arte da atividade leiteira passa por vários incômodos. Por isso, é preciso dar um significado ao trabalho, ter missão, visão e valores, engajar funcionários, solucionar problemas e inovar.

Então, vir a ser um ótimo produtor de leite, não basta apenas entender de vacas e da nutrição das vacas, ou saber tirar o leite; precisa estar atuando sobre uma filosofia de administração, como o método MDA, iniciado em 1996 na Esalq-USP, com a Clínica do Leite.

É hora de saber administrar com uma filosofia de propósitos e sentidos. E tudo começa no próprio pensamento de quem faz.

Related posts

[Ruscarla Moraes e Ana Paula Gomide] – Controle do ambiente térmico de suínos com uso de biogás é uma opção sustentável e econômica na produção suinícola?

Mario

[NECAF – UFLA] – Nutrição e Fertilidade do Cafeeiro

Mario

[IEA-Instituto de Economia Agrícola] – PIB da produção de hortaliças no Estado de São Paulo, 2017

Mario

Deixe um Comentário

Este site utiliza cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você concorda com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Leia Mais