Powered by Rock Convert
Revista Attalea Agronegócios
AgroQuímicos GRÃOS NOTÍCIAS

Freno 240 EC: novo herbicida contra Capim-Amargoso chega ao mercado

Lançamento da Rotam do Brasil, Freno 240 EC, tem até 100% na erradicação da erva daninha na soja.

A Rotam do Brasil, multinacional com sede em Hong Kong e polo de fabricação na China, acaba de lançar um novo herbicida para gramíneas anuais e perenes, em especial o Capim-Amargoso (Digitaria insularis). Tem também indicação para manejo na pré-semeadura (dessecação) da soja. O Freno 240 EC, de princípio ativo Cletodim, tem ação pós-emergente, sistêmico, altamente seletivo para as culturas do algodão, alho, batata, café, cebola, cenoura, feijão, fumo, mandioca, melancia, soja e tomate.

O Capim-amargoso é um problema frequente no País e na maioria das vezes é resistente ao ingrediente ativo glifosato. Esta planta invasora, conforme explica o responsável pela estação de pesquisa da empresa, Carlos Guarnieri, é comum em várias regiões do Brasil, principalmente no Sudeste, infestando as principais lavouras anuais e perenes.  “A perda de produtividade da soja, por exemplo, pode atingir até 80% da safra. Esta é uma espécie com capacidade reprodutiva, a planta pode chegar a produzir 100 mil sementes”, destaca.

Pesquisa com a soja

Para comprovar a eficácia do Freno 240 EC, a equipe da Rotam testou o produto em sua estação experimental credenciada pelo MAPA – Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, em Artur Nogueira (SP), associado com o Glifosato no controle de Capim-Amargoso na cultura da soja. Os resultados apontaram que após 29 dias da aplicação do tratamento a eficiência foi de 100% na erradicação da erva daninha. “Percebemos com esse experimento que o produto apresenta resultados benéficos ao produtor. Esta é uma nova ferramenta que ele tem à disposição para melhorar a produtividade da lavoura”, conclui o coordenador de marketing, Lucas Ferreira.

Rotam do Brasil

A Rotam CropScience é uma empresa global de agroquímicos, fundada em 1950, com foco em proteção de cultivos, com atuação direta em mais de 75 países. Com operações de fabricação na China, a empresa fornece produtos de qualidade e suporte técnico profissional como proteção de cultivos, nutrição de plantas e sementes. A filial no Brasil fica em Campinas (SP) e a estação experimental em Artur Nogueira (SP).

Related posts

Circuito de palestras discutiu manejo da silagem de milho de alta qualidade no Paraná

Revista Attalea Agronegócios

Mapa publica IN sobre novos procedimentos de registro de estabelecimentos

CNA debate desafios para exportação de produtos lácteos

Revista Attalea Agronegócios

Deixe um comentário