Powered by Rock Convert
Revista Attalea Agronegócios
EVENTOS - DESTAQUES Tecnologia

EXPOINTER: EMBRAPA lança tecnologias e assina convênios nesta quinta-feira

O lançamento de novas tecnologias para o produtor e a assinatura de convênios com diversos parceiros do setor agropecuário são os grandes destaques da Embrapa para a 42ª EXPOINTER, evento que acontece no Parque de Exposições Assis Brasil, em Esteio (RS).

A solenidade oficial de entrega dessas tecnologias e da firmação de parcerias acontece nesta quinta-feira (29/08), às 16h, no espaço da Embrapa localizado no Pavilhão Internacional, junto ao Laboratório Federal de Defesa Agropecuária (LFDA) e Incra. A atividade deve contar com a participação da Ministra da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Tereza Cristina, e do presidente da Embrapa, Celso Moretti.

Durante o evento, serão lançadas as seguintes tecnologias:

  • Campo Limpo +
  • máquina usada para controle do capim-annoni
  • milho Farináceo Branco BRS 015
  • Serviço de Predições Genômicas para as raças Hereford e Braford
  • livro Pêssego, Nectarina e Ameixa – O produtor pergunta, a Embrapa Responde
  • e Sumários de touros da Associação Nacional de Criadores (ANC) e da Associação Brasileira de Hereford e Braford (ABHB).

É destaque também o marco inicial dos programas Leite Seguro, uma parceria da Embrapa com o LFDA, e a segunda fase do Balde Cheio no Rio Grande do Sul.

Serão firmadas as seguintes parcerias durante o evento:

  • Embrapa Clima Temperado e Philip Morris Brasil, para produção de tabaco mais sustentável;
  • Embrapa Clima Temperado e Embrapa Pecuária Sul com a cooperativa Piá para a segunda fase do Balde Cheio no RS. Acontece também a formalização da parceria com a prefeitura de Alegrete, primeiro município a retomar o programa no Estado;
  • Embrapa e Procampo Uruguay, para avaliação de forrageiras lançadas pela Embrapa recentemente, bem como para criar condições de exploração comercial no país vizinho;
  • Embrapa e Frigorífico e Abatedouro Remanso Ltda. para transferência de know-how e posterior desenvolvimento em escala comercial de presuntos crus e copas ovinas desenvolvidos pela Embrapa Pecuária Sul no âmbito do projeto Aproveitamento Integral da Carne Ovina (Aprovinos);
  • Embrapa, Associação Nacional de Criadores “Herd-Book Collares” (ANC) e Fundação de Apoio à Pesquisa e Desenvolvimento Agropecuário Edmundo Gastal (Fapeg) para desenvolver e implementar em ambiente de produção uma plataforma digital para troca de informações e serviços entre a ANC, criadores, técnicos, e pesquisadores em suporte ao Programa de Melhoramento de Bovinos de Carne (Promebo®);
  • Embrapa, Fapeg e Associação Brasileira de Criadores de Charolês, para realização de Provas de Avaliação a Campo de Reprodutores Charolês;
  • Embrapa, Conexão Delta G e GenSys para exploração comercial do Serviço de Predições Genômicas;
  • Embrapa, Fapeg e Associação Brasileira de Hereford e Braford para desenvolver e implementar em ambiente de produção um sistema de informação para o suporte ao registro genealógico e a avaliação genética de bovinos de corte pelo Programa PampaPlus;

Confira abaixo uma breve descrição das novas tecnologias lançadas pela Embrapa:

Campo Limpo + 

A Embrapa Pecuária Sul e a Grazmec apresentam ao público em 2019 o novo aplicador seletivo de herbicidas Campo Limpo +, que controla de forma seletiva gramíneas indesejáveis como o capim-annoni. Também controla plantas tóxicas de folha larga como a maria-mole/flor-das-almas e o mio-mio. Apesar de ter sido concebida nas condições do Rio Grande do Sul, a máquina tem eficiência no combate de diversas plantas invasoras no Brasil, como o capim-navalha.

Em comparação com a Campo Limpo, tecnologia lançada em 2008, a Campo Limpo + tem design atualizado e melhorias no mecanismo de limpeza, componentes mais robustos e melhor fluxo de distribuição do herbicida. A nova máquina também terá alguns opcionais, como aumento da área de aplicação do herbicida e sistema hidráulico nas articulações.

 Milho Farináceo Branco BRS 015FB

A cultivar de milho branco recentemente desenvolvida pela Embrapa Clima Temperado (RS) apresenta características que a tornam alternativa ao trigo para produção de farinha. O Milho Farináceo Branco BRS 015FB ainda tem potencial para panificação com foco em públicos com restrição de consumo de glúten, uma vez que grãos de milho não contêm essa substância.

Por sua composição, a variedade apresenta farinha de menor granulometria – ou seja, mais fina – do que as obtidas a partir de variedades tradicionais de milho. O melhor desempenho na moagem em comparação a essas variedades também pode resultar em rendimento de extração de amido 40% maior. Esse teor compensa a ausência do glúten, responsável por dar estrutura e deixar as massas mais macias. Outro destaque é a cor do grão que, mesmo integral, gera uma farinha branca. Isso, somado à baixa granulometria, resulta em pães e biscoitos similares aos obtidos a partir do trigo.

Serviço de Predições Genômicas para as raças Hereford e Braford

A Embrapa, em parceria com a Conexão Delta G e o GenSys Consultores Associados, e com o apoio da ABHB, lança o Serviço de Predições Genômicas para as raças Hereford e Braford. Com base de dados de mais de 6 mil animais, com contagens de carrapato e informações de outras características de adaptação ao calor e produtivas, bem como genotipagens para 50 mil marcadores moleculares do tipo SNP, foi possível gerar avaliações genéticas aprimoradas pela genômica, que são mais precisas que as tradicionais.

Na prática, a diferença em usar touros de alta resistência em relação aos mais suscetíveis (baixa resistência) é uma redução ao redor de 1/3 na contagem média de carrapatos nos filhos, ou seja, o produtor deve esperar um nível de infestação por carrapatos 33% menor nos filhos dos touros de alta resistência, tanto no ambiente subtropical como no tropical.

Livro Pêssego, Nectarina e Ameixa – O produtor pergunta, a Embrapa responde

A Embrapa Clima Temperado lança o livro Pêssego, Nectarina e Ameixa – O produtor pergunta, a Embrapa Responde, que faz parte da Coleção 500 Perguntas 500 Respostas, um dos canais de maior sucesso, concebidos pela Embrapa, para suprir produtores com informações claras e objetivas sobre um tema específico da agricultura ou pecuária.

A obra traz em foco uma das principais cadeias produtivas em fruticultura da região Sul em 21 capítulos. Os editores são pesquisadores da Unidade, localizada em Pelotas. O município é responsável pela produção de 95% do pêssego em calda, processado de forma industrial, em todo o Brasil.

Sumários de touros da Associação Nacional de Criadores e da ABHB

A Embrapa Pecuária Sul e a Associação Nacional de Criadores (ANC) lançam o Sumário de Touros da ANC, tendo como destaque o Índice Bioeconômico de Carcaça, direcionado para as raças Angus e Brangus, bem como índices à desmama e final para as raças Angus, Brangus, Hereford, Braford, Devon e Charolês. Já a ABHB, em parceria com a Embrapa Pecuária Sul, lança o Sumário do PampaPlus, com a novidade das avaliações de ultrassonografia de carcaça.

MARCO INICIAL

Leite Seguro

O programa “Leite Seguro: Segurança, Qualidade e Integridade de Leite e Produtos Lácteos Sul-Brasileiros para Alimentação Saudável e Proteção ao Consumidor” é uma parceria entre a Embrapa Clima Temperado e o Laboratório Federal de Defesa Agropecuária/RS (LFDA).

O projeto obteve financiamento de R$ 30,5 milhões, por meio de processo seletivo competitivo do Fundo de Defesa de Direitos Difusos (FDD) do Ministério da Justiça e Segurança Pública, e permitirá, inicialmente, importantes avanços estruturais e estratégicos para a região Sul, maior produtora de leite do País, incluindo ferramentas, métodos e protocolos na fronteira do conhecimento para aprimorar a segurança, qualidade e integridade do leite, protegendo o consumidor e promovendo a competitividade do setor.

Segunda fase do programa Balde Cheio no RS

Com foco na bovinocultura de leite, o Balde Cheio é uma metodologia de transferência de tecnologia que tem o objetivo de capacitar profissionais da assistência técnica, extensão rural e pecuaristas em técnicas, práticas e processos agrícolas, zootécnicos, gerenciais e ambientais, com uso de tecnologias adaptadas às propriedades, visando a evolução dos índices técnicos e econômicos.

Em 2019, a Embrapa Clima Temperado e a Embrapa Pecuária Sul, em parceria com diversas instituições e com os produtores, lançam a segunda fase de atividades do programa no Rio Grande do Sul. O município de Alegrete (RS) foi o primeiro a retomar o Balde Cheio no Estado, e já conta com sete Unidades Demonstrativas do projeto instaladas.

 

FONTE: Felipe Rosa – EMBRAPA Pecuária Sul
felipe.rosa@embrapa.br

Powered by Rock Convert

Related posts

31º Congresso Brasileiro de Plantas Daninhas: Pré-lançamento de herbicida para cana é foco da Bayer

Revista Attalea Agronegócios

Agentes financeiros apostam na concretização de bons negócios durante a Bahia Farm Show 2019

41ª EXPOINTER: CB Genetics levará genética Angus premiada a Esteio (RS)

Revista Attalea Agronegócios

Deixe um comentário