Cafés EspeciaisEVENTOS - DESTAQUES

Em Dubai, cafés especiais brasileiros terão destaque na Gulfood 2023

Com ação de promoção dos cafés especiais, ApexBrasil e Associação Brasileira de Cafés Especiais vão mostrar na Gulfood 2023 a variedade e a qualidade dos produtos brasileiros.

A “hora do cafezinho” que os brasileiros conhecem muito bem deve passar a fazer parte da rotina de pessoas de outros cantos do mundo na Gulfood 2023, a maior feira de alimentos e bebidas do Oriente Médio, que este ano ocorre de 20 a 24 de fevereiro, em Dubai.

Essa é a expectativa da Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (ApexBrasil) com a Associação Brasileira de Cafés Especiais (BSCA). Na programação diária, estão previstas ativações que levam o nome de “Barista Experiencie”, quando cafés especiais de várias regiões do Brasil serão preparados, por uma barista brasileira, para degustações em diferentes métodos. A ação é promovida por meio do projeto setorial Brazil. The Coffee Nation, realizado pela ApexBrasil e a BSCA.  

O objetivo, segundo o gerente do projeto e diretor da BSCA, Vinícius Estrela, é ampliar o horizonte de percepção do visitante da feira sobre o café brasileiro e reforçar a construção da imagem de que o Brasil, por possuir mais de 34 regiões produtoras, e também mais de 200 variedades de cafés especiais, consegue oferecer ao consumidor experiências e perfis diversos do produto. 

“Nosso foco é mostrar que o Brasil, além de ter um bom produto, vem aprimorando sua cadeia produtiva, qualificando e diversificando os cafés, de forma sustentável, acompanhando a tendência do mercado mundial”, explica a gerente de Agronegócio da ApexBrasil, Paula Soares. 

Paula Soares, gerente de Agronegócio da ApexBrasil.

Com valor agregado, os cafés especiais são grãos isentos de impurezas e defeitos que possuem atributos sensoriais diferenciados, que incluem bebida limpa e doce, corpo e acidez equilibrados, e acima dos 80 pontos na análise sensorial. Além da qualidade intrínseca, devem ter rastreabilidade certificada e respeitar critérios de sustentabilidade ambiental, econômica e social em todas as etapas de produção.  

O Brasil, que já é o maior produtor e exportador de café comercial do mundo, também vem se destacando mundo afora com os cafés especiais. No ano passado, das 60 milhões de sacas produzidas, 10 milhões foram de cafés especiais. As exportações do produto renderam ao país cerca de US$ 2,5 bilhões. 

A cultura do café 

O consumo do café faz parte de diversas culturas do mundo todo. Mas, segundo Vinícius Estrela, além de alguns consumidores serem mais criteriosos, a preferência na forma do preparo também muda em cada cultura. Na Itália, por exemplo, é mais comum o espresso, já os japoneses costumam optar pelo café coado. “Mas a proposta da hora do café é sempre a mesma: conexão”, afirma. Ele explica que, no mundo de hoje, principalmente no universo de negócios, de inovação e startups, que tem um público jovem, o café é a bebida que conecta. Em Dubai, por exemplo, observa-se muitos jovens interessados na bebida e que estão, além de mais exigentes, criando novos métodos de preparo e também de apresentação. “As cafeterias de lá servem cafés em diferentes taças ao invés de xícaras, por exemplo, isso é algo muito interessante”, conclui.  

No Barista Experiencie, durante a feira, os cafés especiais do Brasil serão preparados de diferentes métodos: prensa francesa, aeropress, v60 e espresso. Assim, os visitantes terão a oportunidade de experimentar nossos cafés preparados da maneira que mais lhe agrada e até mesmo, quem sabe, descobrir novas preferências. “Vou mostrar que é possível ter experiências sensoriais em casa tão bacanas como em uma cafeteria”, conta a barista responsável pela apresentação, a brasileira Bruna Moreira. Ela planeja também uma introdução sobre a vocação brasileira para o café, em termos de consumo e exportação, e momentos para dúvidas e interações com o público. “O evento é uma maneira de ampliar a rede de relacionamentos, entender o mercado e suas necessidades e mostrar o trabalho dos produtores de cafés”, finaliza Bruna.   

Os cafés especiais brasileiros já estiveram em Dubai neste ano. Em janeiro, o Brazil. The Coffee Nation levou 22 empresas brasileiras produtoras e exportadoras de café para participar da World of Coffee Dubai 2023. Na ocasião, os empresários realizaram 350 contatos comerciais, sendo 280 com novos parceiros. A estimativa é que esse evento renda atéUS$ 56,862 milhões em negócios. 

Brasil na Gulfood 

Desde 2009, a ApexBrasil garante a participação do país na Gulfood. Nesta edição, 68 empresas do setor de alimentos e bebidas brasileiro se farão presentes expondo seus produtos nos quatro pavilhões: World Food (nacional), Beverage (bebidas), Meat and Poultry (carnes) e Pulses, Grains & Cereals (especiarias, grãos e cereais). Das empresas participantes, 12 atuam no segmento do café, sendo que algumas realizam todo o processo de produção até as vendas, e outras são apenas exportadoras do produto. A mineira Shan Jabal Coffee, por exemplo, produz café 100% arábica e oferece um produto com 70% menos químicos e agrotóxicos. Outra expositora da feira será a Falcafé, localizada entre São Paulo e Minas Gerais.  

A 29ª edição da Gulfood terá mais de 5 mil expositores oriundos de 120 países. Além das exposições, atrações como cooking shows, palestras e competições compõem a programação do evento que movimenta mundialmente o setor de alimentos e bebidas. Nos pavilhões do Brasil, haverá café de expositoras brasileiras servido de forma fulltime ao longo dos cinco dias de evento, em cafeterias montadas especialmente para isso.  

Sobre a ApexBrasil 

A ApexBrasil atua para promover os produtos e serviços brasileiros no exterior e atrair investimentos estrangeiros para setores estratégicos, apoiando atualmente cerca de 15 mil empresas em aproximadamente 90 setores da economia brasileira. Entre 2019 e 2022, a Agência atendeu mais de 800 mil investidores e mais de 120 projetos, no valor de US$ 28,4 bilhões em investimentos anunciados no Brasil.  

Related posts

Klabin desenvolve embalagem que mantém a qualidade do café especial

Mario

Outlook GlobalFert 2021: A publicação mais completa sobre fertilizantes tem a 2ª edição confirmada previsto para março.

Mario

illycaffè divulga os cafeicultores finalistas do 33° Prêmio Ernesto Illy

carlos

Deixe um Comentário

Este site utiliza cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você concorda com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Leia Mais