Bovinos de Corte

DSM lança sétima edição do Tour DSM de Confinamento

A 1ª etapa está marcada para 29/9, no interior de SP, com especialistas da DSM e do Cepea/USP que, em cada uma das 10 etapas, avaliam os resultados zootécnicos e econômicos da aplicação de tecnologias em confinamentos de todo o Brasil.

A DSM, detentora da marca Tortuga® de suplementos nutricionais para animais, anuncia o lançamento da sétima edição do seu tradicional Tour DSM de Confinamento. A primeira etapa está marcada para o dia 29 de setembro, na fazenda Cerâmica, em Lins, no interior de São Paulo. Para este ano, a companhia prevê realizar 10 etapas (contando 10 dias de campo e fechamento) com participação de pecuaristas e técnicos dos principais Estados confinadores do País, como São Paulo, Minas Gerais, Tocantins, Mato Grosso do Sul, Rondônia, Goiás e Mato Grosso.

Em cada uma das etapas, os especialistas da DSM e do Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea), da Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz, da Universidade de São Paulo (Esalq-USP), avaliam os resultados da aplicação de tecnologias inovadoras em confinamentos sob os índices zootécnicos e financeiros. Com isso, são avaliados os índices de engorda dos bovinos e qualidade de carcaça e os custos envolvidos nesse processo e a rentabilidade, ao final, quando os bovinos são entregues para abate mais pesados e com melhor qualidade de carne e acabamento de carcaça comprovados.

“Desde o início, o Tour DSM de Confinamento é uma iniciativa para mensurar de forma bastante transparente todos os itens envolvidos no confinamento, desde a influência das tecnologias inovadoras na dieta dos animais até os custos envolvidos, desde o custo da terra, do boi magro, da nutrição, chegando ao aumento da receita decorrente da produção de um boi mais pesado e melhor acabado. Nos preocupamos em apresentar os resultados que o produtor pode obter por meio das nossas tecnologias exclusivas”, pontua o gerente técnico nacional de confinamento da DSM, Hugo Cunha. “São benefícios que se estendem para toda a cadeia da carne, partindo dos produtores, passando pela indústria frigorífica e chegando até aos consumidores, em um processo rentável ao produtor e com alimento nutritivo e de alta qualidade para os consumidores, ao final da cadeia produtiva”, explica.

Suplementos que geram 1@ a mais no confinamento

O Tour DSM de Confinamento teve sua estreia em 2015 e desde então já realizou mais de 50 etapas em Mato Grosso, Goiás, São Paulo, Mato Grosso do Sul, Rondônia, Tocantins, Pará, Paraná e Bahia. Nesses sete anos, essa maratona de dias de campo reuniu um público de mais de 7 mil participantes, a maioria produtores rurais e técnicos em agropecuária. Ao todo, durante todos esses anos de realização do Tour, foram avaliados mais de 200 mil bovinos confinados.

O histórico do Tour mostra que os confinamentos que adotam as tecnologias da DSM geram aos animais um elevado ganho de peso, além de outros benefícios que se estendem por toda a cadeia produtiva. Os resultados aferidos no campo ao longo das avaliações zootécnicas e financeiras apontam um índice de ganho de peso, em média, de uma arroba a mais por bovino confinado, quando consomem dietas que incluem os suplementos da linha Fosbovi® Confinamento com CRINA®, RumiStar™ e Hy-D®, o que equivale a um animal a mais a cada 18 bovinos confinados.

Adicionalmente ao ganho de peso, as tecnologias da empresa geram outros benefícios. Entre eles, destaque para: maior eficiência alimentar; redução das taxas de problemas gastrointestinais (como diarreias ou timpanismo); rápida adaptação dos bovinos; menor taxa e refugo no cocho; aumento do consumo de ração desde os primeiros dias de confinamento; eficiência na digestão; e menor incidência de animais com laminites e acidose.

A linha de confinamento da marca Tortuga® foi desenvolvida a partir de novos conceitos em nutrição mineral e vitamínica e funciona como uma associação equilibrada de macro e microminerais, incluindo o cromo orgânico, vitaminas lipossolúveis e hidrossolúveis (biotina) e aditivos naturais, como leveduras vivas, aliados aos Minerais Tortuga. No caso do aditivo CRINA®, é um ingrediente indicado para substituir o uso de antibióticos e ionóforos na ração, com vantagens na produtividade, além de não possuir restrições no comércio mundial de carne bovina. E o uso do RumiStar™ (enzima alfa amilase pura) proporciona uma melhor ambiência ruminal e reduz a excreção de amido nas fezes, proporcionando melhor eficiência alimentar e redução do custo de produção da arroba produzida no confinamento. Já o Hy-D®, lançado em 2020, tem como princípio ativo um metabólito específico de vitamina D3, que garante absorção mais rápida e eficiente de cálcio, magnésio e fósforo, atuando nas células satélites da fibra muscular, estimulando o crescimento muscular e consequentemente o peso de carcaça quente dos animais.

DSM — Bright Science. Brighter Living. ™

A Royal DSM é uma empresa global de ciências, “purpose-led” e atuante em Nutrição, Saúde e Vida Sustentável. O objetivo da DSM é criar vidas mais brilhantes para todos. A DSM está impulsionando a prosperidade econômica, o progresso ambiental e os avanços sociais para criar valor sustentável para todas as partes interessadas; clientes, funcionários, acionistas e sociedade em geral. A DSM fornece soluções inovadoras de negócios para nutrição humana, nutrição animal, cuidados pessoais e aroma, dispositivos médicos, produtos e aplicações verdes e novas formas de mobilidade e conectividade. A DSM e suas empresas associadas têm receita líquida anual de cerca de € 10 bilhões com aproximadamente 23.000 funcionários. A empresa foi fundada em 1902 e está registrada na Euronext Amsterdam. Mais informações estão disponíveis aqui.

Tortuga®, uma marca DSM

Desde abril de 2013, Tortuga® passou a ser marca da DSM. A DSM comercializa a linha de produtos Tortuga® no Brasil e em 17 países da América Latina, com a exclusiva tecnologia dos Minerais Tortuga, atendendo às exigências de empresários rurais que trabalham na pecuária. Desde sua origem a marca Tortuga® tem contribuído decisivamente para o progresso da produção animal do Brasil, tendo introduzido, de forma pioneira, novos conceitos de suplementação nutricional e vitamínica e outras tecnologias indispensáveis para o aumento da produtividade. Com a aquisição da Tortuga, a DSM passou a ser a maior indústria de suplementos nutricionais para animais no Brasil. 

Related posts

41ª EXPOINTER: Carne Angus, 15 anos depois um novo mercado à pecuária carne nacional.

Mario

Tecnologia a serviço do pecuarista: Congado, aplicativo com comando de voz, otimiza gestão das fazendas

Mario

Associação dos Criadores de Nelore do Brasil discutirá promoção e valorização da carne Nelore

Mario

Deixe um Comentário

Este site utiliza cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você concorda com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Leia Mais