CooperativasNOTÍCIAS

De pai para filho: Tecnologia no campo é aliada da sucessão familiar

De olho nas novas gerações, Coopercitrus diversifica sua atuação para capacitar os profissionais que irão conduzir o futuro do agro.

O agronegócio vem se destacando como um dos setores mais inovadores do mercado. A alta tecnologia permeia toda a cadeia produtiva, com avanços na ciência, na genética, na transformação digital, na análise de dados e em máquinas de alta precisão. Cada vez mais, é comum termos drones sobrevoando as lavouras, assim como tratores e máquinas equipados com alta tecnologia embarcada.

Se um dia o trabalho no campo foi associado à lida primitiva, esse tempo, definitivamente, ficou para trás. É cada vez mais comum haver drones sobrevoando as lavouras, assim como tratores e máquinas com alta tecnologia embarcada. A pujança econômica e o uso de equipamentos sofisticados têm despertado o interesse das novas gerações para trabalhar no agro. Nesse caminho, cresce também a demanda por mão de obra qualificada para operar as novas tecnologias.

Pesquisa realizada pela Associação Brasileira de Marketing Rural e Agronegócio (ABMRA) indicou que em 2017, a idade média dos produtores brasileiros era de aproximadamente 46,5 anos, 3,1% menor do que o número identificado em 2013. O resultado foi impulsionado pelo aumento da presença de jovens entre 20 e 35 anos. A expansão da internet na zona rural contribuiu com essa mudança e favoreceu o desenvolvimento de novas soluções, como a Internet das Coisas (IoT) e o Big Data, que se tornaram aliadas da eficiência no campo, mudando o perfil da vida e do trabalho rural.

Toda essa conectividade ajudou o produtor rural Luiz Claudio de Aguiar a planejar a passada de bastão para seu filho, Luiz Gustavo Carvalho Aguiar, que voltou para trabalhar ao lado do pai na produção de café, milho, mandioca e no gado de corte em São Sebastião do Paraíso (MG): “Meu pai e meu padrinho, Acácio Souza, decidiram investir em um drone de pulverização, mas, para isso, queriam alguém de confiança, que cuidasse desse trabalho”, comenta o jovem produtor, que adquiriu o drone DJI Agras T30 para pulverizar as próprias lavouras e para prestar serviços para agricultores da região.

Capacitação para os profissionais do Agro 

Compreendendo as demandas crescentes por mais tecnologia e mão de obra qualificada, a Coopercitrus, além de comercializar equipamentos com alta tecnologia, tem voltado seu olhar para a importância da capacitação para operar essas novas ferramentas.

Unindo conhecimentos teóricos e práticos, a Coopercitrus prepara as pessoas para o agro do presente e do futuro. A Fundação Coopercitrus Credicitrus atua em parceria com a FATEC e com a ETEC, para promoverem capacitação de qualidade e formarem novos profissionais do agro com os cursos Tecnólogo em Big Data no Agronegócio e Técnico em Agronegócio.

Além desses, a Fundação recebe e promove diversos cursos e treinamentos sobre temas relevantes para a qualificação e a atualização de profissionais do setor.

Sobre a Coopercitrus

A Coopercitrus — Cooperativa de Produtores Rurais, com sede em Bebedouro (SP), é a maior cooperativa paulista e uma das maiores do Brasil em fornecimento de insumos, máquinas, implementos e suporte técnico. Com mais de 38 mil cooperados e unidades de negócios em 67 municípios, nos estados de São Paulo, Goiás e Minas Gerais, a Coopercitrus tem como propósito oferecer soluções integradas para que seus cooperados cresçam como um todo. 

Related posts

7ª Prova de Leite a Pasto da EMBRAPA no Distrito Federal abre inscrições em junho, com 12 meses de duração, a partir de 4 de outubro.

Mario

Ultrablack se destaca no mapa de venda de sêmen

Mario

Novo Sistema Nacional de Crédito Cooperativo: entra em vigor lei que moderniza legislação do cooperativismo de crédito

Mario

Deixe um Comentário

Este site utiliza cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você concorda com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Leia Mais