Equinos e Muares

Campolina e Quarto de Milha na Gameleira, em Belo Horizonte (MG)

Evento, que vai de 03 a 10 de setembro, tem atrações para toda a família, leilões, julgamentos de Marcha e Morfologia e a maior prova e premiação de “Ranch Sorting” do país.

Depois de três anos longe da capital mineira, a 42ª Exposição Nacional Campolina está de volta ao Parque de Exposições Bolivar de Andrade, também conhecido como Parque de Exposições da Gameleira, juntamente com o 2º BH Horse Show (BHHS), da raça Quarto de Milha. “O evento está ainda mais forte, pois envolve duas raças, o que acontece pela primeira vez”, destaca o presidente de uma das organizadoras do evento, a Associação Brasileira dos Criadores do Cavalo Campolina (ABCCCampolina), Carlos Plinio Siqueira. São esperados ao todo cerca de 800 animais juntando-se as duas raças, oriundos de várias partes do país.

O encontro das duas raças acontece de 3 a 10 de setembro, sendo o início do BHHS, no dia 07. A expectativa é que cerca de 80 mil pessoas visitem o evento, que oferece opções para toda família com shows, espaço kids e fazendinha, boutique do Campolina, praça de alimentação com 16 restaurantes, boate, além de programação técnica, julgamentos de Marcha e Morfologia e três leilões cuja expectativa de negócios é da ordem de R$ 3 milhões.  

Em sua 2ª edição, chancelado pela Associação Brasileira de Criadores de Cavalo Quarto de Milha (ABQM), o BH Horse Show traz a maior prova do Ranch Sorting do país, esporte que teve origem nos Estados Unidos, por volta de 2006, e que vem ganhando cada vez mais adeptos no Brasil. “É o esporte equestre que mais cresce hoje no país, conhecido como esporte da família, já  que todos podem participar”, observa o coordenador do BHHS, Dênio Melo.

Inspirado nas atividades do dia a dia do manejo com o gado no campo, o objetivo é que os participantes façam apartação de animais do rebanho entre currais, de maneira organizada. A premiação desta edição será a maior já dada no país e totaliza R$ 300 mil, sendo R$ 100 mil em dinheiro, além de quatro carros, cinco trailers e 12 motos.

Melo lembra de um momento importante na primeira edição do evento, que aconteceu em 2019, quando a dupla de competidores mineiros da cidade de Patrocínio, Carlos Braz e Guilherme Romão, foi a recordista mundial da modalidade, fechando a prova com o tempo final de 22s47. Até então, o recorde pertencia aos paulistas Vinícius Lélis e Guilherme Brisighello, com 23s44.

Concurso dos grandes campeões

Uma das novidades da Nacional Campolina neste ano é a realização do concurso “Campolina Supremo”. Este concurso é um julgamento convencional de marcha e morfologia, extra ranking, que contempla apenas os animais que já tiveram títulos de grande campeão da raça e grande marchador nacional adulto, em quaisquer das outras edições da Nacional.

Mercado e leilões

O Brasil tem um dos maiores rebanhos de equinos do mundo. Entre as raças de animais marchadores mais conhecidas no país está o cavalo Campolina, o “Grande Marchador Brasileiro”. O animal é o resultado de vários anos de seleção e cruzamentos de raças de cavalo feitos por Cassiano Campolina, fazendeiro de Entre Rios de Minas, Minas Gerais. O criador começou seus esforços para criação da nova raça de cavalos nos anos 1870.  Há 70 anos foi fundada a ABCCCampolina que atualmente conta com cerca de 1,2 mil associados no país e 60 mil animais registrados.

Já o Quarto de Milha é uma raça de cavalo originária dos Estados Unidos, que foi abraçada pelos brasileiros. O Brasil possui o segundo maior plantel mundial da raça, com mais de 500 mil animais.  A raça é considerada uma das mais versáteis do mundo e conta com o apoio, há quase cinco décadas de fundação, da ABQM, com 49 mil criadores e 30 mil associados.

As duas raças estarão presentes no Parque da Gameleira. Para Aluizer Malab, diretor da Malab, produtora do evento, a exposição além de atrair criadores (novos, em potencial, em desenvolvimento e consolidados) e apaixonados por cavalos de todo o país, irá propiciar a realização de novos negócios entre criadores e empresas, por meio de leilões.

No dia 07, está marcado o leilão do Haras J.H.R, com expectativa de negócios da ordem de R$ 1 milhão. Serão 40 lotes da raça Campolina, que contemplam reprodutores, éguas, castrados, potros, potras, além de dois pacotes de coberturas. 

O outro leilão da raça, que será no dia 09, é do VI Genética de Campeões, promovido pelo Haras O.H e convidados (J.A.R, Expoente e Pastoreio), com 37 lotes, que contemplam machos, éguas, potros e potras. A expectativa é que o faturamento chegue na casa do R$ 1milhão. 

No dia 08, é a vez do leilão da raça Quarto de Milha, com 40 lotes, entre machos, éguas, potros e potras, com negócios de cerca de R$ 1 milhão.

SERVIÇO:
42ª Exposição Nacional Campolina + 2º BH Horse Show (BHHS)
Data: 03 a 10 de setembro 2022
Local: Parque de Exposições da Gameleira – Av. Amazonas, nº 6020 / Belo Horizonte (MG) CEP: 30.510-000
Informações sobre o evento e ingresso: https://www.ingresse.com/42a-exposicao-nacional-do-campolina-bh-horse-show

Informações sobre as raças:
Campolina: https://www.campolina.org.br/
Quarto de Milha: https://www.abqm.com.br/

Related posts

41ª Exposição Nacional do Cavalo Árabe registra aumento de 20% no número de inscritos nas provas funcionais

Mario

Seguro de equinos mitiga riscos de cólicas em cavalos

Mario

ABQM confirma 42º Campeonato Nacional em Araçatuba (SP)

Mario

Deixe um Comentário

Este site utiliza cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você concorda com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Leia Mais