fbpx
Revista Attalea Agronegócios
Café Cafés Especiais EVENTOS - DESTAQUES

Cacoal (RO) sedia o 1° Encontro Brasileiro de Degustadores de Cafés

O 1º Encontro Brasileiro de Degustadores de Café do Brasil deve acontecer em Cacoal (RO), entre os dias 6 e 10 de junho. O evento, que deve receber a presença de especialistas na área, tem como objetivo conhecer, avaliar e reconhecer a qualidade dos cafés brasileiros.

No evento, os convidados irão participar de mesas redondas, palestras e oficinas, que irão discutir o estado da arte da produção de cafés de qualidade, arábica e canéfora (robusta e conilon), e seus protocolos de degustação.

Segundo a organização do evento, as inscrições para participar do evento presencial estão encerradas, mas quem tiver interesse em acompanhar o evento, poderá assistir no canal do YouTube da Embrapa.

PROGRAMAÇÃO

6 de junho 
14h30 – Painel Sensorial Experimental;
15h – Visita à família Bento.

7 de junho
8h – Abertura e contextualização do evento;
9h – Mesa redonda: Origem e evolução dos cafés brasileiros;
11h – Mesa redonda: Novos métodos de processamento/fermentação de cafés com foco na qualidade;
13h30 – Calibragem da degustação de cafés canéfora especiais;
16h30 – Mesa redonda sobre Protocolos de Degustação e a evolução da cafeicultura.

8 de junho
9h – Degustação de cafés solúveis, novos protocolos ABICS;
10h30 – Degustação de cafés especiais pelo Método PQC ABIC;
13h30 – Calibragem da degustação de cafés arábica especiais;
15h30 – Parada para o café e degustação de cafés exóticos (Seleções do “Cup of Excelence Mexico 2022”)
16h30 – Mesa redonda sobre os novos caminhos da cafeicultura brasileira e mundial: Novas tecnologias, mercado e hábitos de consumo;

9 de junho
8h30 – Café cultural, desvendando os aspectos étnicos, culturais e sustentáveis da cafeicultura indígena;
12h30 – Visita à cafeicultores indígenas: oportunidade para conhecer a agricultura indígena, seu modo de vida e valores culturais. Será na Terra Indígena Sete de Setembro que fica em Cacoal (RO). São indígenas da etnia Suruí;

10 de junho
8h30 – Painel Experimental – Degustação de cafés especiais voltado para os degustadores profissionais pré-inscritos (Graders, baristas e traders)

CAPITAL DO CAFÉ NA AMAZÔNIA

O local escolhido para sediar o evento foi a cidade de Cacoal (RO), conhecida como a “Capital do Café na Amazônia”. A cidade está incrustada numa região conhecida como “Matas de Rondônia” , que é o centro de origem dos Robustas Amazônicos. A cidade faz parte da Indicação Geográfica (IG), na espécie Denominação de Origem (DO), para o café das Matas de Rondônia, que compreende 15 municípios do estado. Foi a primeira Indicação Geográfica do tipo Denominação de Origem para cafés Robustas Sustentáveis do mundo.

A proposta é que, além das trocas de experiências, esse encontro promova uma verdadeira imersão nos valores socioculturais, agronômicos e ambientais do “terroir” Amazônico para cafés especiais.

(Créditos Imagem: Renata Silva – EMBRAPA)

Related posts

Startups apresentam inovação e tecnologia na Agrishow 2019

Instituto Agronômico e Instituto Biológico alertam sobre alta incidência da Ferrugem no Café

20ª FEACOOP: Dória e Junqueira inauguram novos investimentos em Bebedouro (SP)

Deixe um comentário