CaféCafé e Mercado

[ATLANTICA COFFEE] – Relatório Semanal 15 Dez 2023

EQUIPE ATLANTICA COFFEE
[Relatório Semanal – 11 a 15/12/2023]
Somos uma Trading Company do Grupo Montesanto Tavares, o maior grupo de café do Brasil
que atua em todas as etapas da cadeia cafeeira, desde a
produção dos cafés até a comercialização dos blends no exterior.
As empresas do GMT (Atlantica Coffee, Ally Coffee, Cafebras, Armazéns Gerais Leste de Minas e

as fazendas do GMT Farms) estão localizadas na América do Sul,
Europa, América do Norte e atuam em todos os continentes.
www.atlanticacoffee.com/blog

KCNY e câmbio 

As cotações do café na bolsa de Nova York trabalharam entre 176,15 e 194,50 centavos por libra peso no vencimento março/24, uma expressiva oscilação de 1835 pontos na semana, trabalhando nos níveis mais altos nos últimos 8 meses. A perspectiva sobre a safra 24/25, o clima nas regiões produtoras e a oferta de café global no curto prazo são fatores importantes para tal movimento. 

No câmbio as cotações da semana ficaram entre R$4,8742 e R$4,9766. O Banco Central dos EUA (FED) manteve as taxas de juros entre 5,25% e 5,50%, porém demonstraram que pode haver cortes em 2024. No cenário interno, o COPOM cortou a taxa de juros Selic em meio ponto percentual, para 11,75%, e sinalizou que a flexibilização continuará no início de 2024. 

A Comissão de Negociação de Futuros de Commodities (CFTC) deve divulgar nesta sexta-feira (15) o relatório com posicionamento de traders no mercado de café em Nova York, referente à semana encerrada na terça-feira (12). No último relatório, os fundos de investimento elevaram sua posição comprada para 16.482 lotes no dia 05, contra anteriores 13.450 lotes no dia 28. 

O Cacafé divulgou o relatório de exportações de novembro/23, que totalizaram 4.328.910 sacas de 60 kgs, representando uma de alta de 15,4% contra o mesmo período do ano passado. Destas, 855.879 sacas foram de robusta. 

Os estoques certificados de café em NY ICE fecharam a quinta-feira (14) em 242.399 sacas de 60 kgs. Atualmente, restam 26.880 sacas pendentes de aprovação. 

MARÇO/24: Mín: 176,15 | Máx: 194,50 | Último: 189,65 
BRL/USD: Mín: 4,8742 | Máx: 4,9766 | Último: 4,9398 

*Dados até a finalização deste relatório 


CLIMA

A primeira quinzena de dezembro foi marcada pela presença de duas frentes frias que passaram ao longo do litoral da região Sudeste, que organizaram pancadas de chuvas isoladas nas regiões cafeeiras. 

A tabela a seguir mostra a precipitação observada na primeira quinzena em comparação com a média histórica do mês de dezembro: 

 Precipitação observada  Precipitação média mensal Porcentagem 
Garça 26 mm 219 mm 12 
Mogiana 44 mm 286 mm 15 
Sul de Minas 189 mm 260 mm 73 
Zona da Mata 63 mm 292 mm 21 
Cerrado 79 mm 278 mm 28 

Os modelos meteorológicos mostram que as chuvas deverão começar a ocorrer com maior frequência em algumas regiões cafeeiras a partir do dia 20/12. 

Chuvas previstas para a semana: 

Região Sul de Minas: entre 60 e 80 mm. 

Região Zona da Mata: entre 60 e 80 mm. 

Região do Cerrado: entre 40 e 50 mm. 

Região Alta Mogiana: entre 40 e 50 mm. 

Região de Garça: entre 20 e 30 mm. 


MERCADO DOMÉSTICO e FOB

No mercado interno, as atividades estão reduzidas devido ao período de final de ano, onde é comum haver menos ofertas por parte dos produtores. As ofertas que foram vistas seguem bem distantes das bases de exportadores e poucos negócios foram reportados, conforme necessidade. No FOB, é possível ver alguns pedidos para embarque no curto prazo, em janeiro e fevereiro, mas sem grandes demandas. 

As pedidas dos vendedores no interno são como abaixo: 

  • Bebida dura bica good cup na casa de R$ 1.030,00; 
  • Bebida dura bica fine cup perto de R$ 1.000,00; 
  • Rio Minas bica corrida com 25 de cata perto de R$ 850,00; 
  • 600 defeitos na casa de R$ 810,00; 

LOGÍSTICA

  • A DP World, instalada na Margem Esquerda do Porto de Santos há uma década, concentra seus investimentos na infraestrutura, com um aporte de R$ 200 milhões. O foco é a expansão e modernização para aumentar a capacidade de movimentação anual de contêineres de 1,2 milhão para 1,4 milhão de TEU. As obras incluem a ampliação do cais, que passará de 1,1 mil metros para 1.290 metros, com 150 metros adicionais para o lado oeste e 40 metros para o leste. As projeções indicam a conclusão das obras em 2024, segundo informações veiculadas no portal A Tribuna. 


    Os navios com saída dentro de 2023 já estão praticamente sem alocação disponível. Neste momento, é importante que as negociações das tarifas e condições para o 1º trimestre de 2024 já estejam concluídas, evitando atrasos.

Related posts

[Celso Vegro] – “Impacto da rolagem dos contratos na formação dos preços”

Mario

I Simpósio Agrodigital da Cultura Cafeeira acontece online de 06 a 08 de outubro

Mario

Espécies do gênero Fusarium causam murcha em plantas de café Robusta no Espírito Santo

Mario

Deixe um Comentário

Este site utiliza cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você concorda com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Leia Mais