fbpx
Revista Attalea Agronegócios
Image default
NOTÍCIAS

APTA apresenta soluções tecnológicas para o agro paulista e brasileiro durante InovaCampinas

Maior evento de inovação e empreendedorismo do interior será realizado em 24 e 25 de outubro, em Campinas. A entrada é gratuita

Soluções tecnológicas para o agro paulista e brasileiro serão apresentadas pela Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios (APTA), da Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo, durante o InovaCampinas 2018, maior evento de inovação e empreendedorismo do interior, que será realizado em 24 e 25 de outubro, no Expo D. Pedro. A Rede NIT-APTA (Núcleo de Inovação Tecnológica) participa da rodada de negócios na arena Speed-Dating 100 Open Techs, com a negociação de tecnologias com empresas e exposição de tecnologias para agricultura e de produtos relacionados à pecuária de corte e leite, produção de peixes e controle biológico de pragas e doenças.

O Instituto Agronômico (IAC-APTA) coordena junto à Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) a conferência “+ Valor Agro” com foco em agricultura 4.0 e agregação de valor. A participação no evento é gratuita. As inscrições podem ser feitas no site http://inovacampinas.org.br/. O InovaCampinas é realizado pela Fundação Fórum Campinas.

Durante o InovaCampinas, os Núcleos de Inovação Tecnológica dos Institutos de Pesquisa ligados à APTA terão a oportunidade de apresentar algumas de suas invenções e soluções para empresas líderes no mercado. A ideia é conectar empresas e tecnologias inovadoras desenvolvidas por universidades e instituições de pesquisa, canalizando essas iniciativas para a sociedade. Ao todo, 19 tecnologias da APTA e suas unidades foram cadastradas na plataforma Open Techs, ligada ao Movimento 100 Open Startups. O aplicativo prevê que por meio de marchmaking – cruzamento de dados e interesses – as tecnologias inscritas sejam conectadas às empresas que buscam soluções inovadoras.

“Esta iniciativa é interessante, pois os pesquisadores têm a oportunidade de conversar com empresas líderes de mercado sobre suas invenções, ter feedbacks sobre elas e até mesmo negociar o licenciamento com essas empresas”, afirma Gisele Anne Camargo, diretora da Rede NIT-APTA.

No espaço destinado a Arena Speed-Dating a APTA fará a exposição de um carrapaticida natural para combate do carrapato em bovinos, desenvolvido pelo Instituto de Zootecnia (IZ-APTA) e a empresa HYG System, um produto também natural à base de anticorpos para melhorar a eficiência animal do gado de leite e de corte, desenvolvido pela APTA Regional, além de um probiótico para melhor a produção de peixes, do Instituto de Pesca (IP-APTA), e tecnologias para controle biológico de pragas e doenças, do Instituto Biológico (IB-APTA). O IAC fará a exposição de seu portfólio de patentes com invenções que podem se adotadas na agricultura. O NIT da Fundação de Desenvolvimento da Pesquisa do Agronegócio (Fundepag) também participará.

+ Valor Agro

Na conferência “+ Valor Agro”, os participantes poderão conhecer e discutir as inovações, iniciativas e casos de sucesso do setor de agronegócios, além de aproximar diferentes stakeholders da área. A conferência acontecerá em 24 de outubro, a partir das 14h.

O objetivo será proporcionar um ambiente para compartilhamento de conhecimentos e experiências, com a promoção de contato e relacionamento entre instituições e empresas. Os temas abordados nesta primeira edição serão agricultura digital e agregação de valor, com foco no valor dos produtos, das novas tecnologias, dos novos segmentos e parcerias, incluindo ações conjuntas entre instituições de ciência e tecnologia, produtores, empresas, startups e spin offs.

Entre os participantes da conferência estão o diretor-geral do IAC, Sérgio Augusto Morais Carbonell, a diretora do Centro de Tecnologia de Frutas e Hortaliças do Instituto de Tecnologia de Alimentos (ITAL-APTA), Shirley Berbari, o assessor de diretoria da Embrapii, Fabio Stallivieri, o diretor-presidente da Ceasa Campinas, Wander de Oliveira Villalba, a chefe-geral da Embrapa Informática Agropecuária, Silvia Maria Fonseca S. Massruhá, o diretor-executivo de Inovação e Tecnologia da Embrapa, Cleber de Oliveira Soares, o diretor de Experiência & Suporte ao Cliente da Joahn Deere para América Latina, João R. Pontes, o vice-presidente de Pesquisa e Desenvolvimento do CPqD, Alberto Paradisi, além da produtora de vinhos da Adega Beraldo do Cale em Jundiaí e consultora em enologia na EnoConexão, Ariana Scarioni, e a consultora de Negócios no Sebrae, Cintia Maretto.

Rede NIT-APTA

A Rede NIT-APTA foi estabelecida em 2016, em decorrência de novas legislações federais e estaduais de incentivo a inovação e a parceria de instituições de pesquisa pública e empresas privadas. Em dois anos de atividade, as unidades de pesquisa da APTA depositaram 13 pedidos de patente em titularidade no Instituto Nacional de Propriedade Industrial (INPI) e 12 pedidos em co-titularidade. Duas patentes em titularidade e uma em co-titularidade foram concedidas. Além disso, foram solicitados outros três registros de software em titularidade, um em co-titularidade e três registros de marcas.

“Esses são resultados iniciais de uma atividade que está começando a ser estabelecida nos Institutos e unidades de pesquisa da APTA. Eles mostram que essas unidades têm grande potencial para o desenvolvimento de tecnologias e produtos que podem inovar o agro paulista e brasileiro. As novas legislações possibilitaram que as empresas parceiras tenham exclusividade na exploração da tecnologia e que os institutos e pesquisadores que desenvolveram a invenção possam receber royalties. Além disso, temos normas claras e atrativas para o setor privado investir nos projetos”, explica Gisele.

De janeiro de 2017 a agosto de 2018, a APTA desenvolveu 768 contratos com a iniciativa privada. No biênio 2016/2017, 23,4% do orçamento global da APTA foi oriundo de projetos junto a empresas. A expectativa é que esse valor salte para 25% até o final deste ano, devido às novas legislações.

FONTE: Fernanda Domiciano – Assessoria de Imprensa – APTA

Related posts

Em breve, Franca (SP) poderá ter Delegacia Especializada em crimes rurais.

Algumas usinas de Cana de Açúcar de SP antecipam fim da moagem

Revista Attalea Agronegócios

BRFair, CLAC e UFLA realizam Semana Fairtrade em comemoração ao Dia do Comércio Justo

Revista Attalea Agronegócios

Deixe um comentário