NOTÍCIASPolítica Agrícola

Antônio Júlio Junqueira de Queiroz será o novo Secretário de Agricultura e Abastecimento de São Paulo

Em nota oficial, a indicação do nome de Antônio Queiroz para a pasta de Agricultura e Abastecimento foi bem aceita pelo Sistema FAESP-SENAR-SP

O governador eleito do estado de São Paulo, Tarcísio de Freitas, anunciou novos nomes de secretários na tarde desta quarta-feira (21). Agora, a equipe do novo governo já conta com 22 secretários. Apenas o nome de quem ficará a frente da Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação ainda não foi anunciado. Antônio Queiroz será o novo Secretário de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo.

Antônio Júlio Junqueira de Queiroz é formado em Administração (Esan/FEI) e pós-graduado em Negócios Imobiliários (FAAP), foi secretário adjunto da Secretaria Estadual de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo entre os anos de 2007 e 2011. É membro do Conselho Superior do Agronegócio da FIESP – Federação da Indústria do Estado de São Paulo, do Conselho Consultivo da Secretaria Estadual de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo, do Conselho Deliberativo da ASSOCITRUS e do Conselho do Agronegócio da Associação Comercial de São Paulo.

Antônio Júlio Junqueira de Queiroz, o novo secretario de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo.

FAESP/SENAR-SP
Em nota, o Sistema Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de São Paulo – Serviço Nacional de Aprendizagem Rural do Estado de São Paulo (FAESP-SENAR/SP) recebeu com satisfação a indicação do Sr. Antonio Junqueira de Queiroz como novo secretário de Agricultura paulista. 

O nome escolhido pelo governador eleito, Tarcísio de Freitas, para liderar as políticas públicas direcionadas ao agronegócio no Estado de São Paulo é lembrado por seu histórico positivo como secretário-adjunto do então secretário João de Almeida Sampaio Filho, que fez uma administração efetiva da mesma pasta entre 2007 e 2011, e deverá trabalhar de maneira sinérgica e alinhada com as necessidades do setor.

“Confiamos que o novo secretário trabalhará para garantir as condições para que o agro paulista siga sendo um dos pilares para a manutenção da segurança alimentar em nosso país, além de fonte de emprego e renda para pequenos e médio agricultores”, disse Fábio de Salles Meirelles, presidente do Sistema FAESP-SENAR/SP.

“E acrescentamos: São Paulo tem o desafio de fortalecer as diferentes vocações regionais do agro em nosso estado, priorizando os Arranjos Produtivos Locais, as denominações geográficas e o turismo rural. Para isso, é necessário aprofundar políticas públicas como a conectividade no campo, o que nos permitirá levar mais tecnologia e inovação às propriedades. Além de uma atenção especial ao aspecto regulatório e tributário”, continuou.

“Não temos dúvidas de que Junqueira de Queiroz é um excelente nome e tem o que nosso setor mais precisa: conhecimento e experiência de um grande gestor. Estamos à disposição e tranquilos para avançar ainda mais e garantir o protagonismo do agronegócio, e toda sua cadeia produtiva, no cenário estadual, nacional e mundial. Capacidade e visão ele tem, e caminharemos alinhados. O Sistema FAESP-SENAR/SP aproveita oportunidade para reforçar que o agro paulista seguirá alinhado com as boas práticas de governança e com as políticas públicas necessárias para garantir segurança alimentar, preço acessível e direito à propriedade privada no Estado e no país”, concluiu Meirelles.

APROSOJA-SP
Também em nota nesta noite, a APROSOJA-SP – Associação dos Produtores de Soja e Milho do Estado de São Paulo parabenizou o governador eleito, Tarcísio Gomes de Freitas pela escolha do futuro secretário de Agricultura e Abastecimento.

“Ao escolher Antônio Júlio Junqueira de Queiroz, o governador se norteou pela serenidade, capacidade de entrega d resultados e pelo histórico de serviços prestados ao setor pelo indicado. São Paulo é um importante player na cadeia produtiva do agronegócio. Temos a certeza de que a pasta será bem conduzida no caminho dos interesses do produtor rural paulista”, finaliza a nota.

A equipe de secretários do novo governo de São Paulo.

FONTE: AgroRevenda, CNN e Governo do Estado de São Paulo.

Related posts

Mapeamento do parque cafeeiro do estado vai ajudar na implantação de políticas públicas

Mario

Sistema GEDAVE é adiado para 1º de janeiro de 2020

Mario

Brasil conquista a abertura de 78 novos mercados em 39 países.

carlos

Deixe um Comentário

Este site utiliza cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você concorda com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Leia Mais