AbelhasAssociaçõesNOTÍCIAS

ABEMEL lidera projeto inédito para criar primeiro padrão de qualidade da própolis no mundo

Considerando os 3 principais países produtores de própolis no mundo, China, Brasil e Turquia, a medida deve impactar pelo menos 550 mil apicultores.

A presidente da Associação Brasileira dos Exportadores de Mel (ABEMEL), Andresa Berretta, por meio da ABNT, juntamente com a International Organization for Standardization (ISO), e mais especialistas de trinta países, incluindo o Brasil, dão mais um passo para a criação de normas internacionais de qualidade da própolis. O comitê criou um padrão internacional que vai avaliar a autenticidade e qualidade da própolis, e quem atender os requisitos da certificação estará apto a utilizar o selo da ISO de reconhecimento ao cumprimento das normas internacionais. Considerando os 3 principais países produtores de própolis no mundo, China, Brasil e Turquia, a medida deve impactar pelo menos 550 mil apicultores.

A análise da autenticidade e qualidade da própolis abrange desde critérios qualitativos como quantitativos. Nesse ínterim, serão avaliados os extraíveis da própolis em solução hidroalcóolica, compostos fenólicos e flavonóides, além de marcadores químicos característicos de cada uma delas – entre eles, o artepelin C, no caso da própolis verde proveniente do Alecrim-do-Campo ou Vassourinha (Baccharis dracunculifolia), e o CAPE, no caso da própolis de Populus spp., encontrada na Europa, Ásia e alguns outros continentes. Também serão avaliadas as impurezas naturalmente existentes no produto, como o teor de cinzas, ceras, e substâncias inertes, assim como a umidade.

Atualmente, a própolis, seja como matéria-prima ou extrato, tem regras de identidade e qualidade que devem ser seguidas junto ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA) (IN n. 3, 2001). Além disso, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA) também já contemplou a própolis nas normas de suplementos alimentares, proporcionando uma grande abertura de oportunidades para inovação no mercado interno. Porém, no mercado externo, o fato de existirem regulamentações diferentes em cada país acaba dificultando a entrada do produto em algumas nações. Nesse contexto, o projeto ajudará a eliminar barreiras de comércio internacional, promover a própolis, e fornecer uma ampla gama de produtos de alta qualidade para mais consumidores em todo o mundo.

“Ter um padrão internacional é um grande avanço para categoria, que vai proporcionar a abertura de muitas portas ao redor do mundo, tanto para países compradores como para países exportadores. No presente, não existe nenhuma norma internacional reconhecida aplicável aos principais tipos de própolis, o que tem causado entraves em alguns países quanto à entrada e fiscalização de importação do produto,” disse Nívia Alcici, empresária associada da ABEMEL e membro do grupo de especialistas na comissão de estudos de produtos apícolas da ABNT e também do grupo de trabalho na ISO.

Berretta, que lidera o projeto internacional, foi eleita para essa função diante de uma votação dentre representantes de trinta países. A brasileira, graduada em farmácia pela USP de Ribeirão Preto, onde também fez seu mestrado, doutorado e pós-doutorado, realiza pesquisas científicas com própolis há mais de 20 anos.

“Ter uma brasileira à frente desse trabalho é um grande orgulho para nosso país, e mostra que o Brasil está na vanguarda da pesquisa científica com própolis, além de ser um importante protagonista nesse cenário, já que possui tipos de própolis exclusivos, como a própolis verde. Acreditamos ainda que a qualidade da própolis de diferentes regiões não pode ser julgada pelo método e limites estabelecidos para somente um tipo distinto de própolis, como usualmente se estabelece para a própolis de Populus o que sempre penaliza o Brasil. Por isso, a criação de um padrão de identidade e qualidade internacional é tão importante,” disse a presidente da ABEMEL.

O documento, hoje, passa por trâmites burocráticos finais da ISO antes de entrar em vigor.

Própolis

É um alimento produzido pelas abelhas através da coleta e transformação de exsudatos, secreções de plantas e seus brotos. Nesse processo, a saliva dos animais e as resinas coletadas formam uma substância com muitos benefícios para a saúde. Em geral, é composta por resinas e bálsamos vegetais, cera de abelha, compostos fenólicos, flavonoides, óleos essenciais e aromáticos, pólen e outras substâncias e compostos variados. Entre suas propriedades, encontram-se as atividades antioxidante, antimicrobiana, antiviral, antifúngica, anti-inflamatória, imunomoduladora, dentre outras. O extrato de própolis é bastante usado para tratar diversas doenças tanto no Brasil quanto no exterior.

ISO

É uma organização internacional independente e não governamental, que reúne representantes e especialistas de 167 países, que desenvolvem padrões e normas internacionais relevantes para o mercado, e fornecem soluções para desafios globais.

ABEMEL

A Associação Brasileira dos Exportadores de Mel (ABEMEL) representa 80% dos exportadores de mel do Brasil. A entidade tem como objetivo dar suporte às empresas do setor, defendendo os interesses comuns no mercado interno e externo. Possui como missão promover a internacionalização competitiva dos produtos das abelhas e o desenvolvimento do mercado interno de forma equilibrada, justa e imparcial, propiciando aos associados o suporte estratégico para a realização de negócios e a conquista de posições sólidas nos mercados.

Em 2023, a ABEMEL completará 20 anos de atuação no setor. Hoje, é considerada a maior entidade representativa das empresas beneficiadoras e exportadoras de produtos das abelhas, sendo uma grande referência nacional e internacional.

Related posts

Quebras de safra mudam a rota do milho nacional e fortalecem comércio interno, revela Tarken

Mario

15ª BAHIA FARM SHOW: Maior feira de tecnologia e negócios do Norte e Nordeste está chegando

Mario

Nutrien anuncia acordo de aquisição da empresa de varejo brasileira Casa do Adubo

Mario

1 comment

Silvério Sales de Barros 02/01/2023 at 08:34

A criação de abelhas é uma grande aliada do meio ambiente e do aumento produtivo dos alimentos… Deve ser reconhecido sua importância…

Reply

Deixe um Comentário

Este site utiliza cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você concorda com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Leia Mais