CaféEVENTOS - DESTAQUESNOTÍCIAS

3ª ALTA CAFÉ protocola convite ao secretário Antonio Julio Junqueira de Queiroz

Em audiência realizada no dia 08 de fevereiro, na sede da Secretaria de Agricultura e Abastecimento,
o presidente José Henrique Mendonça apresentou o novo formato da 3ª ALTA CAFÉ.

Os primeiros dias do mês de fevereiro foram de muito trabalho, muitas reuniões e muitas viagens.
Faltando pouco mais de um mês para o início da 3ª ALTA CAFÉ – Feira de Negócios e Tecnologia da Alta Mogiana – evento programado a acontecer entre os dias 21 e 23 de março de 2023, mais uma vez no Clube de Campo de Franca, município de Restinga (SP), José Henrique Mendonça, presidente do Sindicato Rural de Franca e da AEAGRO – Associação dos Empreendedores do Agronegócio de Franca e Região, acompanhou de perto as diversas etapas e ações que estão sendo realizadas para que o evento deste ano atenda às expectativas de expositores e visitantes.

No dia 08 de fevereiro, em audiência com o Secretário de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo, Antonio Julio Junqueira de Queiroz, em São Paulo (SP), José Henrique Mendonça e Francinaldo Alves, diretor da AEAGRO, apresentaram o mapa oficial da 3ª ALTA CAFÉ e convidaram oficialmente o secretário a participar da solenidade de abertura da feira. “Ficamos extremamente felizes com a receptividade do senhor secretário e de sua equipe. A proposta da ALTA CAFÉ é ser um ponto de referência da cafeicultura da Região da Alta Mogiana e o trabalho da Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo faz parte da história e da importância econômica da cafeicultura da região, do Estado de São Paulo e do Brasil”, ressaltou José Henrique Mendonça.

Francinaldo Alves (diretor da AEAGRO) e José Henrique Mendonça (presidente do Sindicato Rural de Franca e da AEAGRO) na sede da Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo. (Créditos: Revista Attalea Agronegócios)

O presidente fez questão de mostrar, em números, a importância da cafeicultura para a Região, além de destacar a importância das empresas responsáveis pela AEAGRO e organizadoras da ALTA CAFÉ: A.Alves (New Holland), AgroPL (Landini), Colorado (John Deere), Oimasa (Massey Ferguson), Olimáquinas (LS Tractor), Robusta Tratores (Yanmar-Solis), Sami Máquinas (Agritech), e Tracan Máquinas (Case iH).

José Henrique Mendonça, como presidente do Sindicato Rural de Franca, aproveitou a oportunidade para apresentar ao secretário demandas do setor agropecuária da região do setor – com ênfase na cafeicultura –, do qual se mostrou muito interessado e se colocou à disposição para trabalhar juntos.

O diretor Francinaldo Alves e o Engº Agrº Carlos Arantes, coordenador da 3ª ALTA CAFÉ, corroboraram a importância do trabalho para a cafeicultura regional das equipes de extensão rural do EDR-Franca (Escritório de Desenvolvimento Rural) e da Defesa Agropecuária.

À esquerda, Carlos Arantes Corrêa (diretor da Revista Attalea Agronegócios e coordenador da 3ª ALTA CAFÉ), Francinaldo Alves (diretor da AEAGRO), ao centro Antonio Julio Junqueira de Queiroz (secretário) e José Henrique Mendonça (presidente do Sindicato Rural de Franca e da AEAGRO). (Créditos: João Luiz – SAA-SP)
José Henrique Mendonça apresenta ao secretário as demandas para o setor cafeeiro da Região da Alta Mogiana. (Créditos: João Luiz – SAA-SP)

Carlos Arantes ressaltou a importância do trabalho da Defesa Agropecuária quanto à manutenção da sanidade das lavouras de café da região, graças à fiscalização de viveiros e unidades produtoras de mudas de café em toda a região. “Ao mesmo tempo, ressaltamos um fato, resgatamos a história e enaltecemos o trabalho de quase um século do Instituto Agronômico de Campinas (IAC) e de todos os pesquisadores, que dedicaram uma vida para produzirem todas as variedades de café que atualmente ainda são plantadas, além das unidades de extensão rural da Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo que contribuíram diretamente com o desenvolvimento da cafeicultura, desde as pequenas até as grandes propriedades”, explicou Carlos Arantes.

Francinaldo Alves apresenta números atualizados da cafeicultura regional ao coordenador Alberto Amorim e ao secretário Antonio Julio Junqueira de Queiroz. (Créditos: João Luiz – SAA-SP)

O diretor Francinaldo Alves destacou a importância da ALTA CAFÉ como palco de disseminação de tecnologia para a cafeicultura regional e brasileira, mas também como ponto de referência para discussões políticas que contribuam com o setor cafeeiro, bem como para a promoção dos projetos desenvolvidos pela Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado.

APOIO LEGISLATIVO
Na sequência, no dia 10 de fevereiro, José Henrique Mendonça esteve em audiência com a Deputada Estadual Delegada Graciela David. “Recebi em meu gabinete o presidente do Sindicato Rural de Franca, José Henrique Mendonça, e o senhor Carlos Arantes para falarmos a respeito das demandas do setor. O agronegócio movimenta a economia e gera muitos empregos na nossa região. Como deputada estadual, estou à disposição dos produtores para colaborar no que for possível. Farei questão de prestigiar a feira e coloquei meu gabinete à disposição para colaborar no fortalecimento do nosso setor cafeeiro”, afirmou a deputada Delegada Graciela David.

ORGANIZAÇÃO
Extremamente participativo em todas as ações que convergem para a feira, o presidente José Henrique Mendonça participou também de uma reunião virtual com a equipe da ARTERIS VIA PAULISTA. “Por estar sendo realizada no Clube de Campo da Franca e como a cada ano observamos o crescimento vertiginoso do fluxo de visitantes na feira, fortalecemos a parceria com a concessionária da rodovia como forma de contribuir com a chegada e a saída de todos os visitantes da ALTA CAFÉ. Ressaltamos a responsabilidade da Comissão Organizadora no cumprimento da legislação vigente, mas também solicitamos o apoio da concessionária para que possamos construir um evento melhor a cada ano”, explicou Mendonça.

PLANO DE MÍDIA
Ainda em fevereiro, a Comissão Organizadora da 3ª ALTA CAFÉ e a diretoria da AEAGRO formalizaram todos os procedimentos e contratos relacionados à execução do Plano de Mídia e Divulgação da feira.

A EPTV Ribeirão e a Revista Attalea Agronegócios são as mídias escrita e televisiva que apoiarão a feira. “Estamos muito contentes com a proposta apresentada pela EPTV Ribeirão e pela Revista Attalea. A ALTA CAFÉ precisa de visibilidade e foi o que os dois veículos apresentaram para nós da diretoria. Contaremos ainda com divulgação através de rádios locais e regionais, bem como placas de outdoor em toda a região cafeeira. Nossas Redes Sociais e o nosso site também contarão com uma atualização diária, onde as pessoas poderão acompanhar todas as novidades da feira”, afirmou Mendonça.

Carlos Arantes (coordenação), Luciana Nunes (Mkt – Ideia Fixa), Adriana Dias (Revista Attalea Agronegócios), Bruna Luchini (apresentadora), José Henrique Mendonça (presidente) e Sami El Jurdi (diretor financeiro da AEAGRO).

PATROCINADORES
Comprovando a importância que a cafeicultura tem para a Região da Alta Mogiana, a 3ª ALTA CAFÉ contará com a parceria com a COOPERCITRUS (Patrocinadora Master do evento), com a DEDEAGRO e BANCO DO BRASIL (Patrocinadores Ouro do evento). “São entidades que desempenham um papel preponderante em todas as fases da cafeicultura regional. Além disto, compreenderam a importância da proposta que a diretoria da AEAGRO indica com a realização da ALTA CAFÉ: queremos promover a atividade, alavancando todas as empresas do setor, contribuindo com o desenvolvimento e o turismo de negócios em nossa região”, ressaltou Mendonça.

PARCERIAS INSTITUCIONAIS
O mês de fevereiro também foi importante para confirmar a participação de instituições parceiras da ALTA CAFÉ e muito importantes para as ações voltadas à cafeicultura em toda a Região da Alta Mogiana, tanto paulista quanto mineira.

O Escritório Regional do SEBRAE-SP em Franca, que desempenha um trabalho importantíssimo no gerenciamento das empresas, concretizou parceria e será a instituição responsável pelo gerenciamento do Pavilhão de Cafés Especiais. “Trata-se de uma estrutura de 200 metros quadrados, que abrigará empresas da Região da Alta Mogiana que comercializam cafés especiais, com marcas registradas, onde os visitantes terão a oportunidade de passar por uma oportunidade de experiência sensorial. Tudo em parceria com a AMSC – Associação dos Produtores de Cafés Especiais da Região da Alta Mogiana e do Núcleo de Cafés Especiais da ACIF – Associação Comercial e Industrial de Franca”, explicou o coordenador Carlos Arantes.

ESTRUTURA E NOVA ÁREA
Planejada inicialmente para abrigar apenas 50 estandes, em apenas duas edições, a ALTA CAFÉ passou a ser realizada no Clube de Campo da Franca. “Uma parceria que atende não somente às necessidades de área que a AEAGRO precisa, mas também como forma de mostrar aos expositores e visitantes um local aprazível, bem loca-lizado, bem arborizado, com acesso primoroso através da Rodovia Cândido Portinari”, ressaltou José Henrique Mendonça.

A primeira edição foi realizada no Villa Eventos, município de Franca, acesso pela Rodovia Ronan Rocha. “Um lugar muito bom para eventos, mas que ficou pequeno já na primeira edição. Por isso, a diretoria da AEAGRO decidiu transferir a feira para o Clube de Campo da Franca, onde foi realizada dentro da área social do clube.

“Para esta terceira edição da feira, porém, em virtude especificamente de contarmos com um relevo plano – fato não observado na 2ª ALTA CAFÉ – a Comissão Organizadora decidiu transferir a feira para a área do estacionamento do clube. A nova proposta fará com que as empresas estejam mais próximas, facilite o caminhar dos visitantes, bem como mostrará o tamanho real da feira”, explicou o coordenador Carlos Arantes.

Porém, sempre buscando atender o maior número de visitantes e expositores, a Comissão Organizadora da 3ª ALTA CAFÉ decidiu investir na construção de um conjunto de banheiros específico para a nova área do evento. “Temos como responsabilidade, sempre, atender as necessidades dos expositores e visitantes. Decidimos construir um conjunto de banheiros mais próximo do ambiente da feira”, explicou José Augusto Freixes, vice-presidente da AEAGRO.

Novo conjunto de banheiros que a AEAGRO está construindo no Clube de Campo da Franca, especificamente para a feira.

DESTAQUES E LANÇAMENTOS
Faltando um mês para o início da 3ª ALTA CAFÉ, poucas áreas ainda estão à disposição para empresas que queiram participar da feira.

Ao todo, até o momento, 108 marcas já assinaram contrato para participar da ALTA CAFÉ. “Estamos preparando a maior vitrine do Agronegócio Café da nossa região. Em uma área maior, com mais expositores, com expositores expressivos da Cadeia Produtiva do Café, além de uma melhor infraestrutura. Tudo para garantir uma Alta Café ainda mais grandiosa e que ficará marcada na história!. A feira foi criada com o objetivo de promover a cafeicultura da nossa região. E pretendemos reunir nesta edição empresas de todos os setores, da semente à xícara”, ressaltou José Henrique Mendonça.

COMPROMISSO COM A CAFEICULTURA
Desde a criação da ALTA CAFÉ, a proposta da Comissão Organizadora é a de promover a cafeicultura brasileira, reunindo na feira empresas de todas as etapas da produção do café, desde a pesquisa, a obtenção de novas variedades, a produção de sementes, o planejamento de plantio, condução da lavoura até o produto final.

“Temos um compromisso para com o cafeicultor da Região da Alta Mogiana e de todo o Brasil. Mostrar as principais novidades do setor. E estamos trabalhando com afinco para garantir a presença de empresas de todos os setores da cadeia produtiva do café. Serão muitas as novidades. Já formalizamos a participação de algumas empresas que ainda não tinham participado da feira e estamos em negociação com outras. Tudo para que o visitante da 3ª ALTA CAFÉ tenha acesso às principais tecnologias e novidades da cafeicultura brasileira”, afirmou José Henrique Mendonça.

FINANCIAMENTO – TROCA POR CAFÉ
Além dos visitantes da 3ª ALTA CAFÉ poderem conhecer de perto as principais tecnologias para a sua lavoura de café, desde máquinas (Tratores, Colheitadeiras, Adubadeiras, Roçadeiras, Trituradoras, Podadoras, Arruadoras, Carretas, Guinchos, Pás-Carregadeiras, Recolhedoras, Abanadoras, Sopradoras, Classificadores, Descascadores, Despolpadores, Lavadores e Secadores); irrigação (sistemas, motores, bombas); agricultura de precisão (startups, agricultura digital, drones, mapeamentos, agrimensura, geotecnologia, aplicativos, segurança eletrônica); insumos (agroquímicos, agrobiológicos, consultorias); financiamentos e mercado futuro (instituições financeiras, tradings, barter); e energia solar, a Comissão Organizadora informa que irá apresentar um sistema de “troca por café” totalmente diferenciado do que é feito atualmente no mercado.

“Este é um dos principais diferenciais da ALTA CAFÉ. O expositor que acreditar em nossa proposta e o cafeicultor que compreender este novo formato, vai ganhar muito”, orienta José Henrique Mendonça.

Já garantiram presença na 3ª ALTA CAFÉ as principais empresas do setor de máquinas e implementos do Agronegócio Café. Além disto Banco do Brasil, Bradesco, Sicoob Credicitrus, Sicoob Credimogiana e Sicredi já confirmaram presença.

Segundo o presidente José Henrique Mendonça, as novidades não param por aí. “Estamos em negociação com empresas de várias outros setores dentro da cafeicultura. Tudo para agregar conhecimento e tecnologia para os cafeicultores visitantes de nossa região.

3ª ALTA CAFÉ FORMALIZA CONVITE À FAESP/SENAR-SP

O presidente do Sindicato Rural de Franca – entidade que representa os produtores rurais de Franca (SP), com extensão de base também nos municípios de Restinga (SP), São José da Bela Vista (SP), Cristais Paulista (SP), Jeriquara (SP) e Ribeirão Corrente (SP) –, protocolou no início de fevereiro, na sede do Sistema FAESP (Federação da Agricultura do Estado de São Paulo) e SENAR-SP (Serviço Nacional de Aprendizagem Rural), vinculado à Confederação Nacional de Agricultura, o convite oficial para a parceria na realização da 3ª ALTA CAFÉ, bem como com a presença do presidente Fábio de Salles Meirelles e da diretoria da entidade na solenidade de abertura da feira, que acontecerá no dia 21 de março, às 10 horas.

Pedro Luchesi (Diretor Tesoureiro da FAESP), José Henrique Mendonça (presidente da ALTA CAFÉ), Jair Kaczinski (Gerente Técnico do SENAR-SP) e Francinaldo Alves, na sede da FAESP/SENAR-SP, em São Paulo (SP).

VENHA SER UM EXPOSITOR
A Comissão Organizadora da 3ª ALTA CAFÉ informa que ainda há áreas disponíveis para as empresas do Agronegócio Café interessadas em participar do evento. “A feira dispõe de áreas de vários tamanhos. Buscamos organizar espaços que atendam às necessidades de cada tipo de empresa, seja grande, média, pequena, com ou sem produtos ou equipamentos para exposição. O importante é que o empresa não fique de fora desta grande vitrine da cafeicultura brasileira”, ressaltou José Henrique Mendonça.

Os interessados deverão confirmar interesse através do email: altacafe@altacafe.com.br ou através dos whatsapp (16) 9.9126-4404 (Carlos Arantes) ou (16) 9.9967-2486 (Adriana Dias).

SOBRE A FEIRA
3ª ALTA CAFÉ
Feira de Negócios e Tecnologia da Alta Mogiana
O Evento da Cafeicultura Brasileira
Data: 21 a 23 de Março 2023
Local: Clube de Campo da Franca, município de Restinga (SP)
Horário: das 8h às 17h.
Entrada e Estacionamentos: gratuito

Site: altacafe.com.br
Facebook, Instagram, Youtube: @altacafeoficial
Montadora Oficial: Metalic Montagens Especiais
Agência de Publicidade Oficial: Ideia Fixa
Agência de Comunicação: Casa da Comunicação
Produtora: Leon Produtora de Vídeo
Comunicação Visual: Interarts

Related posts

Brasil faz ação para promover carne bovina na Europa

Mario

I Simpósio Agrodigital da Cultura Cafeeira acontece online de 06 a 08 de outubro

Mario

Café no Sertão: grandes cafeicultores estão escolhendo a Serra do Cabral, na região de Curvelo (MG)

carlos

Deixe um Comentário

Este site utiliza cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você concorda com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Leia Mais